Para incentivar pessoas a tratar ansiedade, psicólogos contam o que fazem para relaxar

Uma das características da vida moderna é a rotina agitada, cheia de atividades e com muito trabalho a fazer. Mas o que parece uma descrição comum do dia a dia de muita gente também é um fator determinante para o surgimento de problemas de saúde mental, como transtornos de ansiedade, por exemplo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Checar o celular e as redes sociais a todo momento não são hábitos saudáveis e podem estar deixando você mais agitado do que o normal. Se você tem problemas de sono ou insônia, preocupação excessiva e dores musculares, pode ser que você esteja sofrendo de ansiedade, e você não é o único. De acordo com a OMS (Organização Mundial da Saúde) 23,9% dos brasileiros sofrem algum transtorno de ansiedade.

Já postamos aqui no Razões 5 atividades para você fazer em casa e diminuir sua ansiedade. Agora, os psicólogos do Zenklub deram uma ajudinha extra para te encorajar a adotar hábitos para manter o equilíbrio e contaram o que eles fazem para deixar a saúde mental em dia. Confira:

1 – Meditação e contato com a natureza

“Primeiramente, preciso confessar que descansar pra mim é um desafio. Felizmente, me sinto muito privilegiada de trabalhar com coisas que eu amo, como atender e dar aulas. E apesar de ser maravilhoso e um prazer, pode ser um problema porque para mim, é muito fácil só trabalhar. Mas percebi que o trabalho não podia ser minha única fonte de prazer – mesmo porque ele também vem com obrigações e muitas responsabilidades. Eu precisava de um lugar que não tivesse que dar conta de nada, que não fosse momento de fazer e nem de produzir, mas um momento de descansar, de se divertir, se desligar e, claro, de não fazer nada. Foi um desafio no começo, mas hoje tenho esse tempo livre (sagrado!) pra mim que não abro mão! É fundamental para o meu equilíbrio e até para dar o meu melhor no meu trabalho. Hoje, algumas coisas que fazem parte desse meu tempo sagrado é fazer yoga, meditar, estar na natureza, estar com as minhas cachorras, com pessoas que me fazem bem, ficar um tempo sozinha e viajar sempre que dá”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Marjorie Carvalho, psicóloga especialista em terapia cognitivo-comportamental

 

2 – Música e games

Acredito que praticar atividades que combinem com nosso jeito de ser é uma ótima maneira de aliviar os efeitos do estresse. E é aí que no meu caso, entram a música e os games. Todos os dias, me dou 30 ou 40 minutos minutos para ouvir música com fones de ouvido.  Samba, chorinho, vertentes de rock e música árabe. Além disso, principalmente aos fins de semana, jogos eletrônicos com os amigos, seja presencialmente ou por aplicativos de chamadas, divertem ao mesmo tempo em que renovam minhas energias.  

Iury Florindo, psicólogo e mestre em análise do comportamento

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

3 – Terapia e estilo de vida saudável

Acredito que é importante a prevenção de estados de ansiedade, estresse, então durmo bem, mínimo de 8 horas por noite, busco uma alimentação saudável e caminho algumas vezes por semana. Faço terapia semanal, o que me ajuda a ter a mente organizada e resolver minhas angústias, mantenho-me sempre ativa, gosto de estudar e pesquisar, faço trabalhos voluntários. Tenho bastante convívio com a família e possuo alguns amigos. Sou muito focada no trabalho, que é gratificante e me realiza. Gosto de dançar quando tenho oportunidade e não perco uma boa conversa.

Silvana Eloisa Brianezi, psicóloga especialista em psicoterapia analítica e coaching pelo Instituto Brasileiro de Coaching

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

4 – Prática de atividade física

Adoro correr! Treino quatro vezes por semana e já participei de sete maratonas. Com certeza a corrida me tornou uma pessoa melhor, mais feliz e disposta. Após os treinos a sensação de bem-estar é muito grande, consigo controlar melhor a ansiedade e a agitação da correria do dia a dia.

Hoje tenho muito mais disposição para enfrentar minhas atividades diárias. Ganhei tranquilidade e paz.

Anna Luisa Brant de Carvalho Frimm, psicóloga especialista em psicologia hospitalar

 

5 – Passar um tempo consigo mesmo

Eu quando estou estressada, ansiosa, preciso recarregar as baterias, e isso para mim significa ficar sozinha. Às vezes medito e às vezes só descanso a mente, mas preciso desse tempo sozinha. Além disso, assistir séries e ler livros me ajuda a relaxar.

Fernanda Costa, psicóloga especialista em gestão de pessoas

Quer ver a sua pauta aqui? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,067,715SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Foto de senhora de 101 anos segurando tataraneta de duas semanas comove internet

Depois de postar uma imagem comovente de sua bisavó Rosa Camfield de 101 anos de idade segurando sua tataraneta com duas semanas de vida, Kaylee, vários leitores...

Se você acha que toda mãe que diz não amar o filho(a) é desnaturada. Então leia isso

É muito, muito fácil julgarmos as pessoas pelas primeiras impressões que temos dela, é uma tendência natural, mas que nos faz cometer grandes erros...

Nesta vila em Bali todos os moradores se comunicam usando língua de sinais, mesmo os não-surdos

Em um pequena vila em Bali, chamada Bengkala, todos os seus habitantes, que são cerca de 3 mil, são fluentes em kata kolok, uma língua de...

Rodrigo Hilbert rejeita rótulo de “homão da porra” e diz que não faz mais que sua obrigação

Com certeza vocês devem ter visto nas últimas semanas um post sobre o Rodrigo Hilbert o chamando de "homão da porra", por conta de suas...

Estudantes arrecadam materiais recicláveis para confeccionar bonecos para crianças do Haiti

As irmãs gêmeas Maria Clara e Maria Eduarda Arcoverde, estudantes do 1º ano do ensino médio do Colégio Marista João Paulo II, em Brasília,...

Instagram

Para incentivar pessoas a tratar ansiedade, psicólogos contam o que fazem para relaxar 2