Ela se formou pedagoga aos 52 anos e decidiu dar aulas para idosos

Por ter trabalhado desde muito nova, Eunice dos Santos só se formou na faculdade aos 52 anos, em 2014. Com o diploma de pedagoga, pôde realizar um plano antigo: dar aulas na Associação de Idosos, em Varjão, no Distrito Federal.

“Procuro estimular o aluno de um jeito leve. Conversamos muito.”

Prestando serviço na parte administrativa da instituição, havia muito tempo ela
vinha percebendo a necessidade de alfabetização das mulheres ali, que dividiam histórias parecidas com a dela.

“Tendo dedicado a vida ao trabalho ou à família, elas não conseguiam, por exemplo, assinar o nome em um documento”, conta Eunice. Os encontros acontecem três vezes por semana. Mais de 100 pessoas já passaram por lá, a maioria, mulheres idosas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Procuro estimular o aluno como um todo, de um jeito leve. Com brincadeiras, levamos em conta a vida difícil delas, conversamos muito.” O material, como lápis, caderno e apostilas, vem de doações de pessoas dispostas a ajudar o projeto.

Texto: Manuela Aquino
Foto: Arquivo Pessoal
Conteúdo extraído da reportagem “Ler o mundo”, publicada originalmente na Sorria #74, em junho de 2020.

Relacionados

“Mesmo sem ter um cão, encontro neles afeto e sabedoria”

A jornalista Rafaela Carvalho, de 32 anos, de São Paulo, não tem um cachorro. Mas, como ela nos conta aqui, isso não a impede...

Agora vai: dicas para você trocar o celular por uma atividade física

O smartphone virou o melhor amigo do homem: a gente trabalha, se informa e se diverte com ele. Mas seu uso excessivo pode fazer...

+ DO CANAL

Após precisar fechar o próprio negócio, ele criou um curso sobre empreendedorismo na periferia

Depois de perceber a dificuldade de acesso a informações sobre administração e negócios, Luis e a sócia, Jennifer, de São Paulo, criaram um curso...

Germana fundou uma associação para apoiar crianças com microcefalia. Conheça a história dela

Na União de Mães de Anjos (UMA), Germana Soares, de Recife (PE), se uniu a outras mães de criança com microcefalia, como seu filho,...

Ele fundou e mantém circo em homenagem a mãe, artista circense. Conheça a história de Círio

Filho de artistas circenses, Círio Brasil, de 47 anos, de Fortaleza (CE), tem paixão pelo picadeiro. Em 2002, sua mãe, famosa por seus números...

Ela fundou um projeto que incentiva crianças em abrigos a contar suas histórias para transformar a própria vida. Veja!

A psicóloga Cláudia Vidigal, de São Paulo (SP), criou o Instituto Fazendo História, em que crianças que vivem em abrigos são encorajadas a registrar...

Ela aprendeu a bordar com a avó e hoje ajuda a transformar a vida de presidiários

A empreendedora Milena Curado, de 46 anos, da Cidade de Goiás (GO), começou a se familiarizar com as técnicas do bordado aos 8 anos,...

Instagram