Para alertar sobre o perigo da desatenção causada pelo celular, mulher de 82 anos ajuda pedestres a atravessar a rua

Para tentar alertar as pessoas sobre o que a desatenção causada pelo uso do celular pode causar, a simpática Dona Vilma, de 82 anos, participou de uma ação em Pelotas, no Rio Grande do Sul. A iniciativa foi criada pela “Biscoitos Zezé”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em um dos semáforos da cidade, Dona Vilma agiu como uma guia para os pedestres desatentos, conduzindo todos com segurança, de um lado até o outro e ficou surpresa com a quantidade de pessoas que andam sem desviar o olhar de seus celulares, inclusive ao atravessarem a rua.

Pesquisas apontam que o uso do celular no trânsito é extremamente perigoso, aumentando em 400% o risco de acidentes no trânsito.

Mas não é somente os motoristas que precisam tomar cuidado. Há riscos de acidentes para os pedestres distraídos. Muitos atravessam sem olhar para os dois lados ou caminham sem observar direito o espaço ao redor.

“A mensagem da campanha veio carregada de experiência de vida e, por esse motivo, era melhor aceita entre as pessoas. A empatia da Dona Vilma também contou muito para a reflexão”, afirma Thomaz Ballverdú, um dos idealizadores da ideia, segundo o Catraca Livre.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Alguns não entendiam no inicio, perguntando se era Dona Vilma que queria ajuda, mas em seguida ela explicava: ‘Eu que vou te cuidar, por causa do celular’. No final, todos concordaram em prestar mais atenção na faixa e seguir os conselhos de quem é mais experiente“, finaliza.

Veja o vídeo:

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,805,747SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Internautas criam vaquinha para idoso que mora há anos isolado em casa de taipa só com fubá e sal para comer

Gente do céu!! O seu Antônio Farias, 57 anos, mora sozinho e isolado há anos numa casa de taipa na Zona Rural de Alagoa...

A casa do Capoeira foi comprada! O guardador de carros que ajudou uma senhora a atravessar rua alagada agora tem um lar

Ele se mudará para a casa nova ainda este mês com o filho, a irmã e os sobrinhos. Confira tudo que aconteceu!

Troncos de eucalipto devolveram vida à importante rio do Espírito Santo

Inédita no Brasil, a técnica aumentou em 80% a quantidade de peixes no rio.

No litoral paulista, o projeto Empresto Minhas Pernas entrega muito mais que solidariedade

A ideia principal do projeto não é apenas entregar algo, e sim trocar experiência juntos e permitir que a pessoa com deficiência se sinta parte de um todo assim como uma pessoa que não tem deficiência.

Mulher que sofre de ansiedade agradece a compreensão do seu namorado: “Há pessoas melhores que remédio”

Porque respeito e compreensão são fundamentais em qualquer relacionamento.

Instagram

Para alertar sobre o perigo da desatenção causada pelo celular, mulher de 82 anos ajuda pedestres a atravessar a rua 4