Piauiense é a primeira enfermeira trans a possuir o nome social na carteira profissional

Daniele Ribeiro de Araújo, de 29 anos, nasceu em Guadalupe, a 345 km de Teresina, no Piauí. Formada em enfermagem e com pós-graduação em obstetrícia, ela decidiu lutar pelo direito de ter seu nome social reconhecido profissionalmente. Segundo o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), ela foi a primeira enfermeira trans a conquistar esse direito no Brasil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas sua luta não é de hoje. Daniele é a segunda filha de quatro irmãos e de mãe solteira, e sofreu muito preconceito na sua cidade ao assumir ser transexual. Mas isso não a abalou. Ela mudou-se para Teresina, vendeu roupas para pagar a faculdade e se formou em enfermagem.

Em junho de 2006, Daniele entrou com o pedido no Conselho Regional de Enfermagem (Coren) do Piauí, para registar o nome social na carteira profissional. Daniele esperou sete meses para ouvir um ‘não’.

No final de 2016, ela tentou de novo e seis meses depois, em junho de 2017, ela descobriu que era a primeira enfermeira transexual a conseguir o registro no país.

Piauiense é a primeira enfermeira trans a possuir o nome social na carteira profissional 3
Foto: Divulgação/Coren-PI

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A conquista foi importante não somente pelo reconhecimento, mas também porque Daniele acredita que isso a ajudará a ganhar mais credibilidade para continuar lutando pelos seus direitos.

E tem mais notícias boas: Daniele acaba de passar no processo seletivo para ser professora presencial do Mediotec em Guadalupe, programa do governo federal. Ela vai lecionar no curso técnico de agente comunitário de saúde, pelo Instituto Federal do Piauí (IFPI).

Parabéns, Daniele!

Via

Foto de capa: Arquivo Pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,677SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mexendo com a imaginação e amenizando as dores das crianças em hospital na Inglaterra

O designer Thomas Matthews desenvolveu um projeto para algumas alas do Chelsea Children’s Hospital, na Inglaterra. Ele pensou numa maneira de contribuir com a recuperação...

Voluntárias transformam guarda-chuvas velhos em sacos de dormir para moradores de rua

As voluntárias transformam pedaços de tecido de guarda-chuvas velhos ou quebrados em sacos de dormir para pessoas em situação de rua.

Reserva e Reserva Mini viabilizam 5 pratos de comida a cada peça vendida em campanha permanente

Ao longo da vida, você provavelmente já sentiu vontade de comer e não pode por algum motivo banal. Agora imagine que temos mais de...

Rapaz preso injustamente ganhará kit completo de DJ para voltar a trabalhar

Preso injustamente no dia 15 de janeiro, acusado de assassinar alguém que nunca viu, Leonardo Nascimento, de 26 anos, ficou na cadeia por uma...

Estudantes criam protetor solar com óleo de buriti para trabalhadores de baixa renda

De olho nas pessoas que trabalham debaixo do sol forte do Vale do Buriti, em Santana do Cariri (CE), uma dupla de estudantes do...

Instagram

Piauiense é a primeira enfermeira trans a possuir o nome social na carteira profissional 4