Animador da Pixar lança curta sobre experiência com seu filho autista

No mês passado, a Pixar lançou três novas animações, que fazem parte do projeto “SparkShots”. Uma delas é Float (“Flutuador”, em tradução livre).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O curta-metragem apresenta a sensível relação entre um pai e um filho autista, no seu próprio mundo.

A animação de seis minutos foi completamente idealizada por Bobby Rubio, com base em suas próprias experiências pessoais.

Animador Pixar curta-metragem experiência filho autista
Float faz parte do projeto ‘SparkShots’, da Pixar. Foto: Divulgação

O enredo não fala diretamente sobre o autismo, mas aborda a relação dos pais com os filhos autistas, ou em condições diferentes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Bobby vai muito além de uma abordagem óbvia e acrescenta um toque de magia que inspira coragem e força de vontade para superarmos quaisquer obstáculos após assistirmos o curta.

Leia também: E se as animações da Disney/Pixar fossem sobre o folclore brasileiro?

Enredo

A história começa com o pai soprando um dente de leão, perto do filho. Quando os esporos começam a flutuar, até o bebê voa, para surpresa dos que estão ao seu redor. O pai percebe, assustado, que seu bebê ‘flutua’ (daí o nome da animação).

Apesar de ser inofensivo para todos, é notável sua diferença das outras crianças que não flutuam. Então, o pai tenta impedir que os outros vejam seu filho flutuar; ele procura mantê-lo dentro de casa enquanto cresce. Mas o filho escapa e flutua pelo playground. A criança está feliz, mas os outros pais no parquinho se assustam.

Animador Pixar curta-metragem experiência filho autista
Animação da Pixar aborda relação entre pai e filho autista. Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em meio à tensão, o único diálogo do curta diz: “Por que você não pode simplesmente ser normal?!”.

Ao perceber que isso machucou seu filho, ele cai em si, e, em vez de continuar a segurá-lo, para protegê-lo dos pais de crianças que não flutuam, ele deixa o filho flutuar livremente… Lindo demais!

Confira o trailer abaixo:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O curta-metragem termina com uma dedicatória de Bobby: “Para Alex. Obrigado por me tornar um pai melhor! Dedicado com amor e compreensão a todas as famílias que têm crianças consideradas diferentes”.

Leia tambémNova animação da Pixar aborda temas como morte e mundo das almas; veja trailer

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: NSC Total

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,230,881SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem reproduz mesma foto com o pai, do ensino fundamental até a faculdade, e post viraliza.

Eu acho que todo mundo tem fotos de alguns momentos importantes, desde quando nasceu até a vida adulta. É comum fazer esse tipo de...

Menina de 8 anos resgatada de pais cruéis escreve a carta mais doce para seus salvadores

Com apenas 8 meses, Marie foi internada no Hospital Infantil de Atlanta com seus ferimentos que poderiam afetar o resto de sua vida. Muito pequena e magra,...

Influencers fazem publis de graça para ajudar micro e pequenas empresas

Influenciadores digitais de todo o país têm feito publis de graça para empresas de pequeno e médio porte que precisam de apoio em meio...

Restaurante de presídio feminino na Colômbia atrai turistas

Na turística Cartagena, o restaurante ressocializa as detentas e melhora sua qualidade de vida dentro do presídio.

Instagram