Policiais unem-se a manifestantes em ato contra racismo e violência, nos EUA

Clique e ouça:

É preciso tomar muito cuidado com generalizações, afinal, a profissão e a raça de uma pessoa não podem a definir. E para provar isso, diversos policiais decidiram unir-se aos manifestantes no último sábado para mostrar solidariedade ao movimento anti racismo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

protestos policiais 1
Foto: Twitter

Queremos estar com todos, de verdade. Tirei o capacete e deitei os bastões. Quero fazer disso um desfile, não um protesto”, disse Chris Swanson, xerife do condado de Genesee, antes de se juntar à multidão de protestantes em Michigan, no último final se semana.

policiais protestos 2
Foto: Twitter

Ele, no entanto, não foi o único a aderir ao movimento. Oficiais em Camden, Nova Jersey carregavam uma faixa que dizia “Permanecendo em Solidariedade”, enquanto gritavam “sem justiça, sem paz” junto à multidão. Assim como eles, o chefe de polícia Andy Mills, de Santa Cruz, Califórnia, ajoelhou-se com os manifestantes chamando a atenção da violência policial contra os negros.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

policiais protestos 3
Foto: Twitter

Canal Coronavírus: veja boas notícias, vagas home-office e como ajudar pequenos negócios clicando aqui.

Oficiais em Ferguson, Missouri, participaram de nove minutos e meio na memória de Floyd, com aplausos da multidão; e em Em Fargo, Dakota do Norte, um policial foi visto apertando as mãos dos organizadores de protestos.

protesto policiais 4
Foto: EVA MARIE UZCATEGUI/AFP

Em meio a uma imensa onda de protestos nos Estados Unidos, não foram somente os civis que decidiram manifestar sua indignação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que aconteceu?

George Floyd foi morto no dia 25 de maio, acusado de utilizar propositalmente uma nota falsa de 20 dólares para comprar um maço de cigarros. 

protestos policiais 5
Foto: Twitter

Como disse Will Smith: “O racismo não está piorando, está sendo filmado”. Vidas negras importam e é inadmissível que situações como esta ainda aconteçam.

Entretanto, estes policiais quiseram deixar claro que nem todos são racistas e abusam do poder. Cenas emocionantes, que ficarão guardadas na memória.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: Forbes

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,052,024FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
17,437SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Homem com deficiência humilhado por atraso de salgados se surpreende com apoio: “o telefone não para”

Coisa mais linda essa corrente de solidariedade, o Rafael tá sem acreditar! Rafael foi humilhado por um cliente que não aceitou o atraso da sua...

Homem cria “restaurante” 24 horas para alimentar cachorros de rua

João Araújo mora em Palmas, no Tocantins e é gerente de uma loja de peças para motos. Ele sempre se preocupou com os cachorros de rua da...

Adolescente recusa oferta de R$ 46 milhões por site sobre Covid-19

O que você faz quando tem 17 anos? Pensa em estudar, curtir a balada, se divertir. Mas, não o Avi Schiffmann. Ele construiu um...

Sambista Arlindo Cruz volta a falar três anos depois do AVC

O cantor Arlindinho, filho de Arlindo Cruz, deixou uma mensagem em suas redes sociais que nos encheu de alegria: após mais de três anos...

Mãe que anunciou faxina por R$ 20 para alimentar filhos comove internautas e recebe R$ 53 mil em doações

A jovem mãe Liliane está desempregada e as faxinas foi o meio que encontrou pra não faltar comida em casa.

Instagram

Policiais unem-se a manifestantes em ato contra racismo e violência, nos EUA 13