Policial que amamentou bebê é promovida a sargento

Uma das poucas certezas que temos na vida é a de que o universo recompensa quem faz o bem. Mais uma prova disso é que a policial argentina que amamentou um bebê separado da mãe por ordem judicial foi promovida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Contamos a história da policial Celeste Ayala há alguns dias. A foto dela amamentando a criança enquanto fazia horas extras como segurança de um hospital viralizou nas redes sociais e acabou com o estoque de lencinhos dos internautas.

Como recompensa pelo seu ato de amor, Ayala foi promovida de oficial para segundo sargento, informa o Sunnyskyz. O ministro da segurança de Buenos Aires, Cristian Ritondo, anunciou a promoção no Twitter.

“Queríamos agradecê-la pessoalmente por esse gesto de amor espontâneo que conseguiu acalmar o choro do bebê. Esse é o tipo de polícia da qual nos orgulhamos, a polícia que queremos”, escreveu Ritondo na sua conta pessoal da rede social.

A policial do Comando de Patrulhas de Berisso, que foi mãe recentemente, pediu permissão para os médicos do Hospital Infantil Sor Maria Ludovica de La Plata para amamentar o bebê que estava com fome e chorava muito, depois de ter sido separado da mãe por uma ordem judicial.

O colega de Ayala, Marcos Heredia, tirou uma foto do momento e postou no Facebook.

“Eu quero publicar este grande gesto de amor que você teve hoje (terça-feira, dia 14) com aquele bebezinho, que sem conhecê-lo, não hesitou por um momento e realizou o ato como se você fosse sua mãe… Coisas assim não são vistas todos os dias”, diz a publicação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A policial contou que não pensou duas vezes em ajudar o bebê: “Percebi que ele estava com fome, enquanto colocava a mão na boca dele, então pedi para abraçá-lo e amamentá-lo”.

“Foi um momento triste, despedaçou minha alma vê-lo assim. A sociedade deve ser sensível às questões que afetam as crianças. Isso não pode continuar acontecendo”, lembra.

O corpo de bombeiros local, onde Ayala é voluntária em seu tempo livre, também prestou homenagem a ela no Facebook.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Queremos parabenizar a cadete voluntária de combate a incêndios Celeste Ayala, que ontem em seu trabalho como policial, enquanto ela estava de guarda no hospital, amamentou uma criança que chegou chorando”, escreveu a brigada.

“Ações como essas nos enchem de orgulho e nos obrigam a redobrar o esforço, o trabalho e a solidariedade com a nossa comunidade.”

crédito da foto: Reprodução/Twitter @cristianritondo

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,700SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Salão inteiro se une para comprar bicicleta pra colega que teve a sua roubada

A bike era o único meio de transporte da auxiliar de cabeleireiro.

Pela 1ª vez, judeus, cristãos e muçulmanos rezam juntos pelo fim da pandemia

Líderes do judaísmo, cristianismo e islamismo - três das maiores religiões monoteístas do mundo - se uniram para orar juntos em Jerusalém diante de...

Criança emociona e vira exemplo ao dar carinho e afeto para idosa de 100 anos, em Leopoldina (MG)

O cuidado e atenção de Theylon com dona Maria Aparecida é algo emocionante. Eles não são parentes, mas de longe a gente sente aquele...

Adolescente de 15 anos faz e vende lindos crochês para ajudar mãe com paralisia

Dizem que a arte salva e talvez seja verdade, se pegarmos a história do adolescente André Müller, 15 anos. A arte no caso dele...

Apos sofrer acidente, menina ganha surpresa emocionante de seus colegas

Impossível prever tudo o que vamos passar pela vida. Como o acidente que uma aluna do quarto ano A do Colégio Adventista de Gurupi, em Tocantins. A menina...

Instagram

Policial que amamentou bebê é promovida a sargento 3