Policial estaciona carro de patrulha e se junta à senhora que dançava sozinha

Não existe idade certa – muito menos lugar – para dançar!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ao avistar Millie Seiver, uma senhorinha de 92 anos, dançando sozinha no estacionamento de seu prédio, a sargento Kim Lenz, do Departamento de Polícia de Austin, no Texas (EUA), decidiu se juntar à idosa e entrar na dança.

Lenz estacionou o carro de patrulha, aumentou o volume do rádio e começou a dançar com Seiver de mãos dadas. Ao som de “Stay A Little Longer”, do duo Brothers Osborne, elas trocaram sorrisos e se divertiram bastante.

O vídeo delas dançando sem constrangimento ou preocupadas com o que as pessoas poderiam pensar foi postado pelo departamento de polícia no Facebook, com a legenda “Millie disse que, às vezes, tudo o que você precisa é dançar… a sargento Lenz concorda plenamente com ela”.

Seiver ficou surpresa com a repercussão do vídeo, que soma mais de 180 mil visualizações e mais de 1700 compartilhamentos. “Provavelmente um pouco orgulhosa, suponho, do fato de que chamou a atenção de que sou capaz de fazer o que posso fazer.”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com a mensagem de que não existe idade certa para dançar – muito menos lugar –, Seiver deseja que outras pessoas encontrem inspiração no seu exemplo e se juntem a ela. “Eu gostaria de ver mais pessoas serem mais ativas, passeando e coisas assim.”

Dá o play no vídeo e siga exemplo de Seiver – e da sargento Lenz:

Foto: reprodução Facebook/Austin Police Department – Minnesota

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,498,345SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Médico se comove com humildade de gestante e faz campanha para ajudá-la

O relato de um médico que acompanhou uma gestante em trabalho de parto emocionou e comoveu a internet: "Eu fui roubado de mim".

Conheçam uma cachorra que foi resgatada em estado terminal e mudou vida de um garoto autista

Jonny Hickey era um menino de 8 anos, isolado e solitário, devido ao autismo. Há alguns meses, uma pequena cadela foi encontrada em estado incrivelmente...

Série de fotos íntimas de casais prova que não existe gênero para o amor

Como a fotógrafa explicou ao A Plus, estas fotografias íntimas de casais millenials revelam as semelhanças entre diferentes tipos de relacionamentos, heterossexual, homossexual e tudo mais. Amor é amor.

“Eu nunca me senti tão igual em toda minha vida”

Ibby Piracha se tornou deficiente auditivo aos 2 anos após um acidente. Todos os dias, a caminho de seu trabalho, ele para em sua Starbucks...

Graças a uma cadeirinha de rodas, filhote de cabra com problema nas patas agora consegue andar

Frostie é um adorável bebê cabra que possui uma deficiência em suas perninhas traseiras devido a uns problemas de saúde que passou, fazendo com...

Instagram