[VÍDEO] Um dia antes de perder o pai por Covid-19, PM salva mulher de suicídio

A missão do policial é definitivamente salvar vidas! E isso pode acontecer das formas mais diversas possíveis. Em Sergipe, um policial militar conseguiu evitar o suicídio de uma senhora que queria se jogar de uma ponte. O PM tentou convencê-la a não tirar a própria vida e agiu rápido para evitar que ela se jogasse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O caso aconteceu na estrada que liga as cidades de Lagartos e São Domingos (SE). A ponte fica a cerca de 100 metros do chão. Os policiais levaram pouquíssimos minutos quando acionados para ajudar no salvamento da mulher, mesmo estando a mais de 20 km de distância.

O soldado Diogo Lobo foi quem iniciou a negociação com a mulher de 43 anos. A conversa entre os dois é tocante. Ela chora bastante e ameaça se jogar o todo tempo. Diogo tenta acalmá-la e se aproxima aos poucos, avançando centímetro por centímetro.

Mulher em ponte com dois policiais próximos
Diogo precisou de muita atenção para salvar a vida da mulher. Foto: reprodução

“Perguntei se ela tinha filhos, se tinha amor aos seus filhos, disse que eu tenho filhos também e perguntei se ela tinha fé em Deus”, contou Diogo. A mulher disse para o PM que estava desempregada, que tinham ateado fogo em sua casa e estava morando de aluguel com quatro filhos pequenos. É impossível não se emocionar ao ver a cena 🥺

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ela disse que a vida dela ali não tinha mais significado e eu disse que tinha sim, que Deus a amava. Mandei ela olhar nos meus olhos, depois eu disse: ‘olhe para ali, Deus está ali, te olhando’ Foi quando consegui agarrá-la e puxar para frente”, narrou.

Veja o momento do salvamento:

View this post on Instagram

A post shared by diogo lobinho (@imoveis.mrv2017)

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Policiais fizeram vaquinha, pagaram aluguel e compraram alimentos para vítima

Depois do alívio de terem salvado uma vida, os PMs se juntaram e deram R$ 300 para a mulher, dinheiro para comprar alguns alimentos e pagar o aluguel. A mulher foi levada para um hospital para continuar recebendo acompanhamento.

Ela tem síndrome do pânico e depressão, doenças seríssimas e que podem levar ao extremo, como seria o caso se esses anjos de farda não tivessem aparecido. As armas que Diogo usou foram as palavras.

“Deus me mostrou que eu tenho uma missão aqui na terra: ajudar e salvar as pessoas”.

O policial, que correu sério risco para salvar aquela mulher, pois poderia ter caído junto com ela, recebeu um Certificado de Honra da Polícia Militar do Estado de Alagoas em reconhecimento ao seu ato de bravura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Certificado
Foto: arquivo pessoal

Policiais com certificados
Os demais policiais envolvidos na ação também foram reconhecidos. Foto: arquivo pessoal

Veja o momento da premiação:

Policial estava com o pai internado no dia do salvamento e o perdeu dias depois

No dia em que Diogo salvou a vida dessa mulher, tão importante e tão cara para as pessoas de seu convívio, passava por um dos piores momentos de sua vida. O pai estava internado há um mês na UTI com Covid-19.

“Por todo esse momento que eu tava passando, eu me senti incapaz de ver meu pai ali e não poder fazer nada, e Deus me usou como instrumento de luz pra me mostrar que sou capaz, e me senti fortalecido”, disse.

Policial com fardamento, arma e na frente da viatura
Foto: arquivo pessoal

Mas o herói que venceu esta batalha, ironicamente, acabou perdendo seu fiel escudeiro. O pai de Diogo não resistiu e morreu na mesma semana. “Perdi meu melhor amigo”, lamentou.

Pai e filho sorrindo
Foto: arquivo pessoal

A vida e a morte, a alegria e a tristeza, encheram o coração desse PM de uma só vez. Mas seu Jackson deve estar orgulhoso e contente com o filho. “A maior riqueza que eu senti é que Deus tem algo maior para a minha vida. Infelizmente meu pai não me viu salvando aquela mulher, não me viu recebendo o certificado de honra, mas lá no céu ele já está sabendo”, disse.

Diogo agora segue os passos do pai. Assim como seu Jackson, está se formando em Odontologia. O policial também é corretor de imóveis e professor de Educação Física, além de dono de uma escolinha de futebol para crianças carentes. “Quero ser pelo menos um terço do que o meu pai foi”, finalizou.

Jovens em campinho de futebol
Diogo dá aulas de futebol para crianças carentes. Foto: arquivo pessoal

Selo Conteúdo Original Razões para Acreditar


A VOAA lançou uma vaquinha para ajudar idoso que, após perder a esposa, passa o dia em seu carrinho de doces para se sustentar. Clique e contribua!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,636,434SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Artistas lançam campanha para promover cultura quilombola

No início de 2018, o artista Evandro Angerami e a diretora de arte e pesquisadora cultural Julia Paranaguá pegam estrada rumo à Chapada Diamantina,...

Bebê abraça mulher com mesma condição que ele e emociona a todos

É comum para um bebê "estranhar" a visita de alguém que ele nunca viu na vida, ainda mais se essa pessoa tentar pegá-lo no...

Quem disse que eles não tem sentimento?

Chequita, um macaco capuchino bebê, abraça sua mamãe Cassia, enquanto ela passa por uma cirurgia em sua mão, na Austrália.

McDonald’s realiza mais de 8 mil ações sociais em prol de várias comunidades brasileiras

Gincana Bom Vizinho engaja 12 mil voluntários dentro da empresa

Instagram