Por que religião não é uma boa desculpa para propagar o ódio

Religião e ódio são duas palavras que jamais deveriam ser conjugadas numa mesma frase. Mas, infelizmente, vivemos tempos em que algumas pessoas usam sua religião para disseminar o ódio contra determinados grupos, como os LGBTs e as religiões afros.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Um princípio básico que orienta quase todas as religiões é respeitar o próximo: ou, em bom português, não se meter na vida do outro por capricho. Se você parar para pensar só um pouquinho, isso não tem nada a ver com religião. Trata-se de um senso de comunidade, nada além disso. Em um mundo onde não houvesse religião, é assim que as pessoas deveriam se comportar.

Por isso mesmo, nunca é demais explicar que religião e ódio não se misturam. São valores ou orientações que se anulam mutuamente: uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa!

Leia também: Mãe de santo faz carta agradecendo à mulher que passou óleo ungido em seu terreiro

Vídeos como o que você confere a seguir, compartilhado pela página do Facebook Tia Má, contribuem para que possamos viver em um mundo onde o respeito não é exceção, mas regra. Com bom humor, mas com a seriedade que a discussão exige, uma Mãe de Santo baiana vai te fazer entender direitinho:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Pastor lava os pés de gay, mãe-de-santo, ateu e outros que sofrem com o preconceito dos evangélicos

Foto: Facebook/Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,266,727SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Médicos fazem o primeiro transplante de coração morto da história

Descrito como o maior avanço no transplante de coração da década, a cirurgia bem sucedida tem profundas implicações na redução da escassez de órgãos...

Internautas se unem para construir casa pra família que vive em pobreza extrema

A situação da casa da família da Maria das Dores, 38 anos, é uma coisa de partir o coração. Maria, o marido Jessilson, 48 anos,...

Jovem abre espetinho e amigos aparecem para ‘dar uma força’ em Curitiba (PR)

No início deste mês, o usuário @Chrystofer_99 comentou no seu Twitter que planejava abrir um espetinho. A ideia era fazer um 'teste' com sua família,...

Homem vira ‘manequim’ do brechó da namorada para que ela não sofra assédio

Não era para ser assim, mas parabéns ao namorado pela iniciativa.

Elephant Parade em São Paulo envolve arte e conscientização para preservar elefantes

O que a arte pode fazer por você hoje? No caso da Elephant Parade, em São Paulo, vai ajudar na conscientização da preservação dos...

Instagram

Por que religião não é uma boa desculpa para propagar o ódio 5