Portugal inclui igualdade de gênero no currículo de escolas públicas e privadas

Tem novidade no currículo escolar dos estudantes portugueses de 235 escolas públicas e privadas. Uma demanda desses tempos de ódio contra transexuais e travestis, e que envolve toda a sociedade. A disciplina “cidadania e desenvolvimento” irá incluir discussões sobre igualdade de gênero.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A disciplina faz parte de um projeto experimental de currículo aprovado pelo Ministério da Educação português. Os alunos que participarão do projeto-piloto estão matriculados no ano letivo 2017-2018, já que as aulas em Portugal começaram no mês passado.

Os estudantes estão distribuídos nos três anos do ensino fundamental e do ensino médio. Ou seja, as aulas de cidadania e desenvolvimento serão ofertadas para os alunos do 1°, 5°, 7°e 10° anos, de diferentes formas.

A escola de ensino básico Real Colégio de Portugal, em Lisboa, é uma das participantes do projeto. Foto: Reprodução/Google Maps)

A ideia, segundo o Ministério da Educação, é que os estudantes desenvolvam e participem de projetos que promovam a construção de sociedades mais justas e livres de preconceito, onde os direitos humanos são de todos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O projeto é fruto de rodadas de conversa com estudantes, professores e organizações da sociedade civil em torno da educação para a cidadania no ambiente escolar. A partir desse diálogo, foi criado, em 2016, o Grupo de Trabalho de Educação para a Cidadania.

Ele divide-se em três grupos de conteúdo. No primeiro, estão os temas que devem ser tratados em todos os anos escolares participantes do projeto, incluindo a igualdade de gênero e os direitos humanos. Já o segundo grupo contempla assuntos como mídia e sexualidade, destinado a pelo menos dois dos três ciclos. O terceiro grupo é optativo e inclui tópicos como empreendedorismo, mundo do trabalho e paz.

O Governo também criou um site que reúne materiais elaborados pelo Ministério da Educação junto com entidades públicas da sociedade civil para apoiar as escolas na implementação do projeto.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,645,514SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Noivos fugiram da própria festa de casamento para visitar avó internada da noiva

Imaginem a situação: com a festa de casamento praticamente pronta, o casal Matt e Jamie Seifert receberam a triste notícia que Pat, a avó...

Cientistas desenvolvem enzima que come o plástico

Uma descoberta incrível foi feita totalmente por acidente, por pesquisadores dos Estados Unidos e Reino Unido. Os cientistas da Universidade de Portsmouth e do...

Noiva passa mal e perde própria festa de casamento em BH, mas amigos fazem linda surpresa

Amanda Kathryn sempre sonhou com o dia de sua festa de casamento, inclusive abriu mão de muitas coisas para que a cerimônia e...

Idosos japoneses se voluntariam para lidar com a crise nuclear, e polpam os jovens

Aposentados japoneses são voluntários para lidar com a crise nuclear Yasuteru Yamada disse que pessoas de todas as faixas etárias são benvindas no grupo. Um grupo...

Homens limpam vidro vestidos de super-heróis e alegram dia de crianças internadas no hospital

Aproveitando que ontem foi o dia das crianças, é importante lembrar a ação que os lavadores de janelas fizeram no Hospital Infantil Lurie em...

Instagram