Prefeitura faz parceria com rede de hotéis para acolher pessoas em situação de rua no inverno

O inverno tem sido inclemente desde que chegou ao Brasil (e ao Hemisfério Sul como um todo), no dia 20 de junho. As temperaturas baixaram como não se via há anos, afetando especialmente a população que vive em situação de rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para enfrentar essa situação, a Prefeitura de Osasco fez uma parceria com a rede de hotéis  Íbis e, pelo segundo ano seguido, está acolhendo pessoas sem-teto.

O atendimento começou na semana passada e vai se estender até meados de setembro, quando a estação chega ao fim. Ao todo, foram disponibilizadas 30 vagas.

prefeitura faz parceria com hotel acolher pessoas em situação de rua no inverno

Até aqui, 16 pessoas foram encaminhadas para o Hotel Íbis com a ajuda da Secretaria de Assistência Social (SAS) de Osasco.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No hotel, eles recebem 3 refeições por dia, sendo café da manhã, almoço e jantar. O encaminhamento é feito conforme a ocupação do Centro de Acolhida do Jardim Rochdale, na zona Norte.

Recomeço

Entre os acolhidos, está o trabalhador autônomo ‘J.L.’, 56 anos. Ele foi um dos brasileiros que sentiu os efeitos da pandemia ao perder o emprego em 2020, alguns meses após o início do confinamento social. “Estava há 5 meses nessa condição, porque a empresa em que eu trabalhava, em Curitiba, como representante comercial, não suportou a crise e faliu”, comentou.

J.L. estava acolhido no Jardim Rochdale até ser encaminhado para o hotel. Ele é divorciado e pai de uma mulher de 29 anos, que mora em Curitiba (PR).

O autônomo já recebeu as duas doses da vacina contra a Covid-19 e tem feito planos de retomar a vida, especialmente agora que conseguiu um emprego em uma construtora da cidade, onde atuará como consultor imobiliário.

“Está sendo um momento muito duro esse da pandemia. Não tive mais como pagar aluguel e faltava tudo: alimento, material de higiene. Mas tenho esperança de que tudo logo voltará ao normal. Sou muito grato a esse suporte que a prefeitura está me dando. Nunca pensei que uma cidade faria isso (acolhimento em hotel). Mostra respeito com o ser humano”, avaliou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 2020, o Íbis acolheu 71 pessoas em situação de vulnerabilidade, entre os meses de abril e outubro. Também foram acolhidas 100 pessoas no Rochdale (homens e mulheres) e 30 na unidade Centro.

Acolhimento de pessoas

Entre os dias 15 de junho a 15 de setembro, a Prefeitura de Osasco realiza a ‘Operação Inverno’, onde irá fazer abordagens noturnas, oferecendo acolhimento às pessoas que vivem em situação de rua.

O trabalho é considerado crítico quando a temperatura for igual ou inferior a 13 graus. Também é feita arrecadação e entrega de roupas nas ruas para aqueles que não aceitam o acolhimento durante o período da operação.

Fonte: Visão Oeste
Fotos: Reprodução / Visão Oeste

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,977,926SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Pai resolve se fantasiar todos os dias para dar ‘tchau’ a filho que disse que tinha vergonha do gesto

Rain, de 16 anos, vive com sua família no estado de Utah, Estados Unidos. Todos os dias quando o ônibus da escola chegava, seu...

Novo app ajuda crianças com autismo a se socializarem e se expressarem mais

Aqui no RPA já falamos algumas vezes sobre o autismo (relembre aqui, aqui e aqui) e de como as pessoas com essa doença vivem...

Centauro oferece emprego a garoto após um desconhecido comprar par de calças para ele

Mais do que um par de calças, Sidmar acabou ganhando um emprego na loja!

Senhora de 92 anos desafia diagnóstico de pouco tempo de vida para conhecer tataraneta

"Ela dizia a todos que só gostaria de viver o suficiente para ver aquela menininha"

Noiva narra o próprio casamento em língua de sinais para incluir amigos surdos, em MG

A cerimônia de casamento de Kéziah Costa, de 27 anos, e Luan Wagner, de 21, foi totalmente celebrada em Libras (Língua Brasileira de Sinais...

Instagram