Após tirar empresa da falência, americana se torna primeira mulher a ter o maior salário de um CEO

Agora é que são elas. Pela primeira vez na história, uma mulher recebe o maior salário pago a um CEO, que significa diretor executivo de uma empresa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Lisa Su, de 50 anos, recebeu o equivalente a R$ 314,75 milhões no ano de 2019, de acordo com um levantamento feito anualmente nos Estados Unidos, quase R$ 69,9 milhões a mais do que o segundo CEO mais bem pago, David Zaslav, da Discovery Inc (DISCB), que faturou R$ 246,4 milhões.

Para chegar a esse status de receber tanto em único ano e liderar a lista dos maiores CEOs que mais faturam, Lisa ralou bastante e seguiu seu ‘feeling’, apostando no que achou que seria o futuro.

Imagem de mulher sentada em sofá com quadros ao fundo olhando para o horizonte
Lisa Su olhou para o futuro. Foto: Drew Anthony Smith para CNN

Ela assumiu em 2014 a AMD, empresa de processadores, e praticamente arrancou a companhia da falência para colocá-la entre as maiores do mundo. Somente em 2019, as ações da AMD cresceram 156%. Desde 2014, as ações da empresa subiram mais de 1.300%.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vamos realizar o sonho do jovem Paulo de fazer faculdade e se tornar um grande chef! Clique e aqui e saiba como ajudá-lo.

Lisa é americana, mas tem origem taiwanesa. Ela é doutora em engenharia elétrica pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts, e uma apaixonada pelo trabalho de anos como técnica na empresa. Lisa Su disse que sentia prazer de saber que os semicondutores de cada processador dos computadores que as pessoas usavam passava por suas mãos.

Mulher em frente a computadores mostrando tecnologia desenvolvida por sua empresa
Foto: Drew Anthony Smith para CNN

E foi isso que a fez chegar ao topo da empresa. Ela teve que fazer apostas ousadas para mudar a AMD. “Nosso chip mais recente é de 40 bilhões de transistores… Você precisa acertar todos eles e há muita engenharia para fazer isso”.

A AMD trabalha com criação de tecnologia para computação em nuvem, bases de dados, inteligência artificial e games. Essa tecnologia de alta performance está em alta em 2020, mas Su iniciou a preparação da empresa para esse mercado já em 2014. “A razão de demorar tanto é que é extraordinariamente complexo“, disse a CEO.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mulher em frente a computadores mostrando tecnologia desenvolvida por sua empresa
Foto: Drew Anthony Smith para CNN

O mercado de semicondutores para processadores é de alto risco porque cada novo experimento é realizado para ser lançado para três ou cinco anos para a frente e é uma aposta de que essa tendência será a utilizada pelos consumidores no futuro.

“A coisa mais importante para nós em 2014 foi, primeiro, escolher os mercados certos que eram bons para a tecnologia. Não é o que você faz hoje, mas é realmente o que você faz ano após ano“, disse.

Su é uma das poucas mulheres líderes em grandes empresas de tecnologia, mas outras grandes companhias também são comandadas por mulheres como a General-Motors e a IBM.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Lisa Su nos enche de orgulho. 👩🏻‍🦱💪🏽

O Razões tem seu próprio podcast para espalhar boas notícias, ouça os episódios na sua plataforma favorita clicando aqui.

Fonte: UOL / CNN Business

Fotos de capa: 1 – Gary Miller/FilmMagic; 2 – Drew Anthony Smith para CNN

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,805,539SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem brasileiro tem vida transformada por programa social que ensina música para crianças e adolescentes carentes

Quando falamos em inovação, qual a primeira coisa que você imagina? Quase sempre relacionamos com tecnologia, seja pelo lançamento de um celular novo ou...

Mãe que superou bullying pesado durante adolescência hoje ensina para filha valores como autoestima e confiança em si mesma

Dificuldade é o sobrenome de Nanda Alves, mas superação é o nome de batismo. Essa jovem carioca, de 24 anos, que foi mãe aos...

Com o poder do toque, NIVEA apoia ONGS que transformam vidas de pessoas esquecidas ou pouco lembradas

Você já parou para pensar no poder do toque? Bem mais do que um simples contato físico, a própria Ciência prova que o toque,...

Vídeo de policiais brincando de bets na rua com crianças em Bonito (MS) viraliza

Nos últimos dias, os soldados Alaman e Rezende se tornaram a sensação da internet depois de serem filmados brincando de bets com algumas crianças...

Marido contrata ilustradores para transformarem em quadros as fotos da família

Você quer fazer um presente de aniversário especial para sua esposa? Que tal entregar vários quadros em forma de desenhos de vários momentos da...

Instagram

Após tirar empresa da falência, americana se torna primeira mulher a ter o maior salário de um CEO 1