Primeiro formando negro e trans da Unb, Marcelo Caetano faz discurso emocionante

As universidades públicas ainda são espaços privilegiados de uma parcela da sociedade, embora o ingresso de pessoas vindas das camadas mais pobres e excluídas tenha crescido nos últimos anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O ingresso exige muita dedicação, ainda mais pra quem não teve a oportunidade de estudar nos melhores colégios e frequentar cursinhos pré-vestibulares que são mais caros do que uma faculdade.

Primeiro negro e transexual a se formar na Universidade de Brasília (UnB), Marcelo Caetano Zoby, 25, pode se orgulhar de garantir o direito de ser (re)conhecido pelo seu nome social.

No seu discurso de formatura, Marcelo expôs a seletividade do curso de Ciência Política. Ele fez críticas pertinentes à academia, à polícia e à sociedade, arrancando aplausos de grande parte do auditório.

“A universidade é para quê? Para cabe quem?”; “Seu olhar branco, macho e eurocentrado justifica-se com metodologia” e “Como cientistas políticos temos lugar para dizer o que é democracia (…), Estado Democrático de Direito é seu nome. Será mesmo?”, provocou Marcelo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Assista ao discurso na íntegra:

1-8-e1456176871479

12744719_10153946781557351_7436730689375394531_n-e1456176880502

Fotos: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Criança ucraniana com apenas um número de telefone na mão faz viagem de 1000 km até a fronteira sozinha

As mães fariam qualquer coisa para manter seus filhos seguros, mesmo quando isso signifique separar-se deles no meio de uma guerra. Esse é um sacrifício...

Surpresa! “As Meninas Superpoderosas” terão uma quarta integrante e ela é tudo que queríamos

Durante anos, nós assistimos e amamos As Meninas Superpoderosas, e nos divertimos muito com Florzinha, Lindinha e Docinho, pois agora a Cartoon Network decidiu...

Cliente deixa mega gorjeta de R$ 7 mil para ajudar churrascaria familiar

Tem sido um enorme desafio para as pequenas e microempresas se adaptar às medidas de isolamento social impostas para combater a Covid-19. Muitas delas tiveram...

Filho de doméstica e pedreiro é aprovado na USP e em Harvard

Rafael José da Silva, de 19 anos, nasceu em Blumenau, Santa Catarina e sempre teve o sonho de ser médico. Filho de um pedreiro (Jonas)...

Instagram

Primeiro formando negro e trans da Unb, Marcelo Caetano faz discurso emocionante 3