Professor compra ônibus e vira motorista para alunos não desistirem da escola

Rajaram é mais do que o professor de ciências e matemática das crianças da aldeia de Baarali, na Índia. Ele é o responsável direto para que as crianças não abandonem a escola. O professor comprou um ônibus que leva as crianças à escola e depois para casa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os alunos de Baarali e de aldeias vizinhas começam a faltar nas aulas da Escola Primária do Governo de Baarali, pois tinham que percorrer a pé nada menos do que três quilômetros para chegar à escola.

Inconformado com aquela situação, Rajaram comprou um ônibus para os pequenos seguirem firmes e fortes nos estudos.

Leia também: Professora carrega aluna com paralisia cerebral nas costas em excursão da escola

professor compra ônibus levar alunos escola

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Certa noite, contei quantas crianças tinham desistido [da escola] e fiquei entristecido. Liguei para um dos nossos ex-alunos [Vijay Hegde] e propus a ideia de comprar um ônibus para levar as crianças”, contou o professor ao The News Minute.

Então, Vihay Hegde e outra ex-aluna da escola, Ganesh Shetty, juntaram-se a Rajaram para comprar o ônibus.

A contratação de um motorista particular custaria ao professor cerca de 7 mil rupias (aproximadamente 400 reais), valor que ele jamais poderia pagar.

“Eu vivo do salário pequeno de um professor da escola do governo. Não podia pagar um motorista. Por isso, decidi que aprenderia a dirigir o ônibus e fazer essa tarefa sozinho”, afirmou.

Ele conseguiu a licença para dirigir o ônibus e começou a levar os estudantes à escola. Desde então, a taxa de evasão da escola diminuiu consideravelmente. Rajaram faz em média quatro viagens por dia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

professor compra ônibus levar alunos escola

“As aulas começam às 9h30 e me certifico de que todos os alunos cheguem no horário. Há três professores, incluindo eu e a diretora da nossa escola. Um dos professores chega à escola antes que os alunos da primeira viagem cheguem”, explica o professor.

Leia também: Mutirões produzem cadernos de desenho com frases motivacionais para crianças carentes de escolas públicas

O professor paga o diesel e o seguro do ônibus com dinheiro do próprio bolso. Futuramente, ele quer construir uma pista de atletismo na escola, para que os alunos possam praticar corridas de 100 e 200 metros.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Penso em construir uma cerca ao redor da escola e também uma pista para que as crianças possam praticar esportes. O problema é que eu não tenho dinheiro suficiente. Entrei em contato com ex-alunos da escola e perguntei se eles ajudariam. Há problemas financeiros, mas tenho certeza de que vamos superar esse obstáculo também. As crianças serão motivadas a assistir às aulas se houver esportes e outras atividades”, finalizou Rajaram.

crédito das fotos: divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,557,067SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vaquinha bate R$ 84 mil e realizará sonho de mãe de quadrigêmeos com paralisia cerebral de ter um carro para as crianças

Gente, que super mãe é a Patty, hein? Ela cria os quatro filhos que têm paralisia cerebral sozinha! Só que mesmo com todo esforço,...

Após comoção, idosa que teve lanches confiscados compra casa com vaquinha em Palmas (TO)

Genteeen, lembra da história da dona Raimunda? Ano passado, ela teve seus lanches apreendidos pelos fiscais da Prefeitura de Palmas (TO). Desolada, a idosa de...

Depois de anos vivendo em abrigos garoto se emociona ao ganhar quarto inteiro decorado

Sempre devemos ser gratos a tudo que temos na vida, pois com certeza existem muitas pessoas que não têm nem metade do que temos....

Menino criticado por ‘rabiscar’ cadernos hoje decora restaurante com seus desenhos

O menino era criticado na sala de aula por 'rabiscar' seus cadernos com figuras e formas aparentemente aleatórias. Só que não! 😉

Gay adota neta de traficantes, e menina torna-se Mini Miss Brasil

A rotina de preparação para concursos de beleza e ensaios fotográficos passa longe da vida que Ana Clara Ferrares, de 10 anos, levava há...

Instagram