Professor de escola pública empodera alunos através da fotografia

Clique e ouça:

Como acabar com a visão superficial que alguns professores têm dos seus alunos? Foi a partir dessa pergunta que o professor de Filosofia Thiago Santos, do Colégio Estadual Rubens Farrulla, em São João de Meriti (RJ), criou o projeto “Vozes”, uma exposição fotográfica para combater os julgamentos estereotipados dos estudantes da escola pública na Baixada Fluminense.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O professor viu na fotografia um canal para dar voz aos estudantes. “Minha ideia surgiu de um grande desconforto que comecei a sentir ao ficar na sala dos professores. Eles não tentam realmente entender o que existe por trás do aluno, como é a cultura dele ou como os estudantes se expressam, seus hábitos sociais”, explicou Thiago, que é graduado pela UFF (Universidade Federal Fluminense). “Por isso a sala dos professores sempre foi um lugar desagradável pra mim. Lá eles [os professores] colocam todas as frustrações, todos os preconceitos.”

A exposição “Vozes” reúne 40 fotografias que estão expostas em dois grandes corredores do colégio. “Os alunos se sentiram representados e claramente gostaram da ideia. Inclusive, vários reclamaram que não estavam ali [nas paredes].”

O projeto levou dois anos para ficar pronto. O professor lembra que não usou nenhum critério específico para selecionar os alunos fotografados do 7º ano do ensino fundamental ao 3º ano do ensino médio. “Primeiro comecei a levar minha câmera para o pátio e comecei a tirar fotos sem compromisso. Depois convidei os alunos. Quem teve interesse, me procurou.”

As legendas das fotos foram selecionadas de frases e trechos de músicas escritos pelos alunos em uma atividade cujo título era: “Carta para a escola”. “Eu pedi que eles imaginassem a escola como uma pessoa e pedi que eles falassem tudo o que gostariam de falar no texto e no final que eles dedicassem uma música para a escola. Recebi mais duas mil redações nesse formato”, lembrou animado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para quem estiver a fim de visitar a exposição, o endereço da escola é avenida Plácido Figueiredo Júnior, s/n°, Vila Rosali. No período das férias, a visitação acontece das 10h às 16h.ProjetoVozes2

ProjetoVozes3

ProjetoVozes4

ProjetoVozes5

ProjetoVozes6

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

ProjetoVozes7

ProjetoVozes8

image009

ProjetoVozes9

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

ProjetoVozes10

ProjetoVozes11

ProjetoVozes12

ProjetoVozes13

via [Uol]

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,071,741FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,122SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Desconhecidos dão vida nova a idoso que recebeu arroz com ração de cachorro para comer

A história de seu José Adan começou triste, mas terminou muito feliz. Ele é um senhor idoso que vive em situação de rua e...

Yaci e Yara, filhas de quilombolas, são capa da Marie Claire

Dona Maria Santana deve estar orgulhosa, afinal, suas duas filhas gêmeas, Yaci e Yara, estão conquistando o mundo da moda com sua beleza estonteante...

Em apenas 24h, vaquinha para menino que cuida sozinho da mãe doente arrecada mais de R$277 mil

Genteeee, que alegria! Em menos de 24h, batemos a meta da vaquinha para comprar uma casa para o menino José, 15 anos, a mãe...

Menino de 15 anos, que cuida sozinho da casa e da mãe doente, comove desconhecidos e ganha vaquinha

Quinze anos e já com a responsabilidade de um chefe de família. Essa é a idade do José, sozinho, o adolescente cuida da mãe...

Desempregado investe último dinheiro pra aprender, fazer e vender pudim em SP: negócio decolou após desabafo!

Dá água na boca, não dá? Eu sou suspeito, amo pudim, mas teve gente que pediu o pudim ‘cenográfico’ do Jonas, só que não...

Instagram

Professor de escola pública empodera alunos através da fotografia 14