Professor se deita no chão ao lado de aluno com Down para confortá-lo em um dia difícil

Para uma criança de 8 anos, o menor dos inconvenientes pode ser suficiente para que seu mundo desabe. No caso de LJ Compton, tudo é ainda mais delicado, uma vez que o garoto tem síndrome de Down e está no espectro autista.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Há alguns dias, seu ônibus escolar chegou bastante atrasado no colégio, o Garfield Elementary School em Marion, Ohio (EUA). Nesse momento, o menino teve dificuldade em processar seus sentimentos.

Apesar de morar do lado de uma escola, bem mais próxima de sua casa, a mãe de LJ, Stephane, escolheu o colégio Garfield por conta do cuidado, carinho e atenção que os professores sempre demonstraram ao filho.

Ela conta que LJ é um menino muito feliz, que quase sempre está com um sorriso no rosto, mas que às vezes ele absorve demais o ambiente externo e eventualmente tem uma crise.

Professor deita no chão aluno com Down após dia difícil

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Esse foi um daqueles dias e Stephane não estava por perto para ajudá-lo. Felizmente, outra pessoa estava!

Leia também:

Steph não tinha ideia do que havia acontecido até ver uma foto do filho no Facebook, postada por Amber McKinniss, uma estudante que comentou: “Eu apenas tive que tirar essa foto. Foi a coisa mais incrível que já vi!”.

Professor deita no chão aluno com Down após dia difícil

Professor atencioso

Deitado no chão da calçada ao lado de LJ estava John Smith, um professor veterano e o mais novo diretor assistente da escola. O empático educador não hesitou em fazer companhia ao garoto, acalmando-o e conversando com ele até que a crise cessasse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A foto viralizou nas redes sociais, e logo todos estavam comentando sobre John e sua dedicação à escola e seus alunos, buscando sempre proporcionar um ambiente agradável a todas as crianças.

Professor deita no chão aluno com Down após dia difícil

“Sr. Smith é o melhor professor!”, escreveu um aluno. “Que bom que ele se tornou diretor! Que cara legal!”. Outro disse: “Sr. Smith é um dos meus professores favoritos. Adoro ele.”

São momentos como esse que reforçam a decisão de Stephane em levar o filho para uma escola um pouco mais longe para que ele seja melhor cuidado. “É realmente incrível saber do ponto de vista dos pais que existem pessoas que se preocupam muito com seu filho”, disse ela.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Professor deita no chão aluno com Down após dia difícil

O professor – e agora diretor – John Smith entende com clareza que as crianças precisam de tempo e conforto para processar seus sentimentos. Ele não teve receio de se sujar ou parecer tolo em meio ao chão da calçada se para isso significasse acalmar e conversa com LJ. No final das contas, era tudo que ele precisava naquele momento. Parabéns ao professor!

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Inspire More/Fotos: Reprodução/Facebook

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,775FãsCurtir
1,923,359SeguidoresSeguir
9,397SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Idoso de 80 anos constrói trenzinho para cães que resgatou das ruas

Um idoso de 80 anos passa seu tempo livre operando o que provavelmente pode ser o trem mais divertido do mundo! O senhor Eugene Bostick...

Instagram