Professor ganha mais de 150 mil seguidores ao mostrar rotina com alunos de escola no PR

O professor de educação física Gean Sampaio, 26 anos, conquistou milhares de admiradores nas redes sociais ao mostrar a rotina de aprendizado e inclusão dos seus pequenos alunos em Londrina (PR).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Hoje você não vê uma criança falar que quer ser professora. Ela fala que quer ser médico, que ser advogado, artista, mas nenhuma quer ser professora. A gente tem que mostrar que são os professores que formam todas as outras profissões”, disse Gean, em defesa da educação.

Conhecido no ambiente escolar e agora também na internet como Tio Gean, o professor tem mostrado sua rotina com as crianças de 3 escolas que trabalha por meio de vídeos curtos, postados no Instagram e no TikTok.

Um deles viralizou internacionalmente, alcançando mais de 50 milhões de visualizações e compartilhamentos. Nele, o paranaense aparece pulando corda com Heitor Oliveira, uma criança de 6 anos que tem paralisia cerebral, no colo.

“Com a internet, tudo tomou uma proporção muito grande e eu tô amando, porque quero não apenas ser visto, mas que meus alunos, principalmente o Heitor, sejam vistos, que a educação seja vista. Por que não olhar para a educação, para os professores, que são apagados? Tem vários outros professores novos que estão tentando mostrar uma educação diferente, mostrar que nós merecemos”, refletiu.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Importância dos vídeos

Hoje, Gean leciona para crianças que vão dos 6 meses aos 10 anos de idade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde setembro do ano passado, ele começou a mostrar na internet sua rotina com os pequenos estudantes, graças a um aluno, que pediu para o professor gravar um vídeo dele que seria publicado no TikTok.

Houve uma enorme repercussão do vídeo, que acabou inspirando Gean a gravar mais.

Em janeiro deste ano, o professor caiu nas graças do público. “Quando comecei a falar da escola, ganhei 26 mil seguidores e fiquei travado nisso. No dia 25, uma página pediu pra compartilhar um vídeo meu com o Heitor. Eu deixei e aí foi repercutindo e os números aumentando”, contou ele, que tem agora mais de 150 mil seguidores no Instagram.

Em entrevista ao portal Ana Maria, o educador físico disse que seus vídeos com Heitor em particular são muito importantes, haja visto que por meio dele são abordados nos vídeos temas sobre inclusão. “Várias escolas já estão se adequando, pedindo autorização aos pais para que as crianças possam aparecer nas redes sociais. Eu acho isso lindo”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Quero que o Heitor seja visto, seja ajudado, que as pessoas tenham um olhar diferente pra inclusão e, principalmente, para as crianças, que necessitam de professores que façam a diferença”, ressaltou.

Processo de adaptação

Além de Heitor, o educador físico afirma ter vários estudantes que se destacam pela espontaneidade e carisma. Além disso, garante: é um mais engraçado que o outro!

“Eles dançam, fazem bagunça, então cada dia tem uma pérola diferente. Criança é mais fácil de lidar porque, longe dos pais, elas são outras, então você consegue lidar com elas”, afirmou.

Depois das semanas iniciais de adaptação no ambiente escolar, eles logo se soltam. “É o momento em que a criança não é acostumada comigo, porque não me vê frequentemente. Até ela me aceitar é um pouco difícil, porque não consigo chegar nela. Tem que ter toda uma calma, um cuidado, um amor com aquela criança que está em um processo para aceitar o Tio Gean”, explicou.

Fonte: Ana Maria
Fotos: Reprodução / Instagram: @geansampaiio

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,806,528SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

48 anos depois, casal de idosos se reencontra em asilo e se casa

Quem diria que depois de uma vida toda, onde você acha que tudo que já podia ter vivido já viveu, você reencontra o amor...

Idosa perde R$ 400 em ônibus e recebe ajuda de cearense que vive na Irlanda

Mais de sete mil quilômetros separam Sílvia e a arquiteta Gabriela Lima. No entanto, elas foram unidas pela solidariedade.

Após 10 anos retratando moradores de rua, fotógrafa descobre próprio pai entre eles

Diana Kim cresceu na ilha de Maui, onde seu pai era fotógrafo. Quando seus pais se separaram, Kim começou a viver com amigos e parentes,...

Adolescente recusa oferta de R$ 46 milhões por site sobre Covid-19

O que você faz quando tem 17 anos? Pensa em estudar, curtir a balada, se divertir. Mas, não o Avi Schiffmann. Ele construiu um...

Garotinha e galinha de estimação assistem desenho juntas em vídeo apaixonante. Assista!

Criança com gato todo mundo já viu, com cachorro então, nem se fala. Mas e criança com galinha? Pois é, gente! A Manu e...

Instagram

Professor ganha mais de 150 mil seguidores ao mostrar rotina com alunos de escola no PR 2