Professora organiza festa e compra só alimentos que aluno com alergias alimentares pode comer

Ser professor é muito mais do que ensinar, é compreender as reais necessidades dos alunos e ajudá-los no que diz respeito à integração e ao sentimento de pertencimento, que é exatamente o que fez a professora do pequeno Cayden, de apenas 5 anos. O garoto ainda está no jardim da infância e possui diversos tipos de alergias alimentares, que o impossibilitam de comer a maioria dos alimentos que as crianças de sua idade comem.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Relacionado: Professora coloca bolas de tênis nas cadeiras para facilitar o processo de aprendizagem

Atualmente ele possui 12 alergias alimentares, mas sua mãe disse que aos poucos eles vão descobrindo outras, já que a única maneira de descobrir se ele é ou não alérgico a um determinado alimento, é comendo: Não existe teste para ver a que ele é alérgico, além de lhe dar algo novo e ver se ele adoece”.

Desta maneira, sua mãe se acostumou a mandar todos os dias uma lancheira grande para o garoto levar à escola, com diversos tipos de alimento. Caso ele passasse mal com algum, poderia experimentar outro. E com o tempo, ele e sua família foram “descobrindo” quais coisas ele podia comer e quais era melhor esquecer.

Foi no natal, onde sua escola sempre comemora com as outras crianças, com diversos comes e bebes, que sua professora teve a melhor ideia possível, que não somente emocionou a mãe de Cayden, como foi capaz de dar um dia inesquecível ao garoto. Ela, com o tempo foi percebendo os tipos de comida que ele podia comer e foi fazendo uma lista em sua cabeça. No dia da festa, decidiu que a coisa certa a se fazer era poder oferecer ao garoto uma festa em que ele pudesse comer tudo o que as outras crianças estavam comendo, sem se sentir excluído, como acontece normalmente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Então, ela somente comprou as coisas que ele gosta e pode e fez questão de mandar um email para sua mãe, inclusive a convidando para participar da festa, se ela se sentisse à vontade:

Na mensagem está escrito:Eu queria dar uma festa para Cayden, onde ele pudesse comer tudo. A Sra. Sheats e eu vamos comprar o suco de maçã 100% original da Mott, o Lucky Charms, o original da Armour Vienna Sausage, as xícaras de morango de gelatina sem açúcar e as batatas fritas clássicas Lays (saco amarela). Eu gostaria de um dia em que Cayden não tivesse que se preocupar com o que outras pessoas têm e onde ele pode comer de tudo. Se você ver algo que não funcionaria, por favor me avise !! Eu tentei passar o que você trouxe para a aula para ele e o que estava na lista de alimentos aprovados. Você é mais que bem-vinda para aparecer amanhã ou sexta-feira ou ambos para garantir que tudo que temos seja aprovado !!”

Ela também fez questão de enviar emails para as outras mães, explicando que as comidas desta festa de natal seriam compradas de acordo com as alergias de Cayden, explicando a importância desta iniciativa. A festa foi um completo sucesso e talvez tenha sido a primeira vez na vida do garoto em que ele pudesse comer exatamente a mesma coisas de seus colegas. Obviamente que depois disso, não somente ele, mas principalmente sua mãe, ficaram profundamente agradecidos à esta professora incrível!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações de Huffington Post

Fotos: reprodução Huffington Post

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,577,517SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Conheça a primeira ‘Bond Girl’ com 50 anos de idade

O mundo de James Bond sempre foi uma fantasia masculina cheio de bebidas, armas, gadgets e mulheres, as famosas Bond Girls. Elas sempre foram jovens, bonitas, perigosas e...

Após superar câncer, empresária cria cerveja para pacientes em quimioterapia

Indivíduos diagnosticados com câncer podem recorrer ao processo de quimioterapia em busca da eliminação da doença. No entanto, o tratamento é considerado bastante invasivo e...

Paris anuncia seu primeiro dia sem carros em toda a cidade

Paris pode ser a cidade dos amantes, mas em 27 de setembro, a capital francesa também será a cidade dos pedestres, dos ciclistas e outros viajantes...

Após meses lutando pela vida, travesti vítima de transfobia dá seus primeiros passos; assista vídeo

Ótima notícia vindo de Belém (PA)! Quem lembra da Cibelly, travesti brutalmente agredida por sete homens, no carnaval de Belo Horizonte deste ano? A violência...

Angélica apoia ONG que acolhe crianças com câncer e faz campanha na web para ajudá-los na compra de uma van

O Instituto Pequenos Anjos não poderia ter nome melhor. O pessoal de lá dá todo apoio para famílias carentes que vão até São Paulo...

Instagram