Projeto de retratos confronta estereótipos raciais e preconceitos

“People Are Equal” é um projeto de fotos instigante criado pelos brasileiros Tiago Abreu e Linus Oura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com a ajuda de fotógrafos de todo o mundo, a dupla quer confrontar estereótipos raciais e preconceitos.

Usando o recurso de auto-completar do Google, a dupla procurou diferentes nacionalidades e descobriu que a maioria dos resultados foram negativos e cheios de ódio.

Em seguida, eles emparelham retratos de diferentes pessoas com esses resultados para mostrar como esses estereótipos são dolorosas e para provar que esses preconceitos são falsos.

“As pessoas ao redor do mundo são diferentes em muitos aspectos. Mas, ao mesmo tempo, nos tornamos iguais quando nós espalhamos nosso ódio e negatividade”, escreveram em seu site.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“No final, não há pessoas preguiçosas, feias ou estúpidas. Nós apenas precisamos perceber que somos simplesmente … iguais”.

1projeto

Fonte: Design Taxi

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,286,141SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Paola Carosella comemora o sucesso do curso para travestis e transexuais

“E quem mais aprendeu de todas e todos fuiu eu. Obrigado."

Isadora Faber: a garota que denunciou problemas da escola no Facebook

Quem não acredita que é possível fazer revolução pelas redes sociais não conhece Isadora Faber. Aos 13 anos, a estudante da Escola Municipal Maria Tomázia...

Campus Party doa 230 barracas do evento para acolhimento emergencial em SP

A Campus Party, um dos maiores eventos do mundo, focado em universo digital, inovação e criatividade, conseguiu arrecadar um item muito simples, mas de...

Duas noivas, dois buquês, seu pais e um casamento para entrar para a história

As duas vestidas de branco, os sorrisos dos convidados e a alegria estampada no rosto merecia ser contada. Elas se conheceram em Campo Grande. A...

Menina desafiou Carteira em jogo da velha e agora as duas se divertem diariamente durante a quarentena

Julia Hughes, de 11 anos, queria uma forma de quebrar o tédio da quarentena. Um dia, ela teve a ideia de desafiar a carteira...

Instagram

Projeto de retratos confronta estereótipos raciais e preconceitos 2