Projeto do RJ que leva energia solar para favelas é finalista em prêmio global da ONU

Os finalistas do prêmio Jovens Campeões da Terra na América Latina e Caribe, organizado pela ONU foram divulgados na segunda-feira (20) e entre eles está o brasileiro Eduardo Avila, 25 anos, com um projeto muito bacana!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

foto de Eduardo
Reprodução: Google

Eduardo desenvolveu o Revolusolar, um modelo novo que gera energia solar de forma acessível, sustentável e direcionada para comunidades carentes. Atualmente ele está trabalhando sua ideia em duas favelas do Rio de Janeiro.

O Revolusolar surgiu em 2015 na Favela da Babilônia e neste ano está implementando a primeira cooperativa. O modelo de financiamento proposto por Eduardo inclui diversos patrocinadores institucionais e pagamento de taxa mensal pelo fornecimento de energia, paga pelo beneficiário.

teto solar projeto Eduardo
Reprodução: Google

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O concurso

O prêmio busca reconhecer e apoiar jovens empreendedores com idade entre 18 e 30 anos e que apresentaram ideias inovadoras para proteger ou restaurar o meio ambiente.

Nesse ano foram 845 inscritos e apenas 35 selecionados. Desses sairão sete vencedores, que serão selecionados por um juri técnico da própria ONU.

Teto solar projeto Eduardo
Reprodução: Google

O escolhido receberá dez mil dólares em capital, além do suporte personalizado para desenvolverem seus projetos e acesso a contatos e mentores capacitados.

A gente fica do lado de cá torcendo por você, Eduardo!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

[ASSISTA: Segundo episódio do programa do Razões para Acreditar: Era Só  O que Faltava!] 

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,829,971SeguidoresSeguir
24,609SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Para sustentar filha, viúvo aprende sozinho a fazer tábuas personalizadas

O Tiago ficou viúvo há quatro meses quando a sua esposa não resistiu a um câncer. Sozinho, tenta seguir em frente com a sua bebê de um ano e oito meses.

Clientes reconstroem barraca de vendedora que perdeu tudo e quase morreu em incêndio

Toinha quase perdeu a vida no incêndio de sua barraca. Ela precisou ficar no hospital. Em menos de três meses, os clientes reconstruíram a barraca.

Designer cria copos e xícaras feitas a partir da reciclagem da borra de café

O café é um dos grãos mais consumidos mundialmente e a cada ano, ganha mais e mais consumidores. Juntamente com ele, os resíduos que...

Médica indígena vence batalhas para oferecer atendimento ao seu povo

A médica indígena Hywyxy, das etnias Baré e Baniwa, venceu as batalhas dela com a energia ancestral de seu povo.

Tartaruga de 90 anos que perdeu pernas em ataque de ratos, agora tem rodinhas que a deixaram duas vezes mais veloz

Quando os ratos comeram as pernas da frente de uma tartaruga de 90 anos enquanto ela hibernava, o seu proprietário, Jude Ryder, temia pelo...

Instagram

Projeto do RJ que leva energia solar para favelas é finalista em prêmio global da ONU 4