Projeto transforma caligrafia de sem-tetos em fontes para serem comercializadas

Quando você passa por um morador de rua na calçada segurando um cartaz de papelão, você pode ver um rosto anônimo lutando para sobreviver. Quando os integrantes da equipe da Arrels Foundation vêem essas pessoas, no entanto, eles vêem artistas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Juntamente com os recursos intelectuais da agência de publicidade Cyranos McCann, o centro de desabrigados com sede em Barcelona lançou o HomelessFonts.org, o primeiro site para comprar fontes criadas por sem-tetos.

A idéia é que os indivíduos e as empresas possam comprar essas diferentes fontes através do site e usá-las em diferentes esferas, tais como em suas redes sociais, identidade corporativa, publicidade, itens de papelaria, embalagem, etc. Assim o design fica mais personalizado, pois há uma história por trás dele. De certa forma, faz com que moradores de rua fiquem visíveis de uma forma única e suas caligrafias finalmente serem lidas.

A renda gerada através do HomelessFonts vai para a Arrels Foundation, que oferece hospedagem, alimentação, programas sociais e de saúde para sem-tetos. No ano passado, a organização trabalhou com 1.354 pessoas – quase a metade dos 3.000 desabrigados do Barcelona.

No site os usuários também podem obter informações sobre as histórias de seus criadores e ver as utilizações feitas por eles.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

home 3 home 4 home 7     home 12 home 13    home 17  home 19 home 20 home 23 home 24 home 25  home 27 home 28

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,638,512SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Pesquisadores desenvolvem máscara facial que detecta Covid-19 em 90 minutos

Uma equipe de engenheiros de duas das mais prestigiadas instituições de pesquisa do mundo desenvolveu uma máscara facial com minúsculos sensores descartáveis capazes de...

Palmeirense cumpre aposta de doar sangue após time perder: “boa ação ameniza a tristeza”

"Se a gente não se unir e ficar só nesse mundinho, nesta raiva, a gente não vai conseguir sair do lugar"

Dono de ferro velho recupera cadeiras de rodas enferrujadas e doa para deficientes carentes

A única preocupação de Tide é proporcionar um mínimo de mobilidade a quem enfrenta tantos obstáculos na luta diária para exercer o legítimo direito de ir e vir.

Brasileiros vão para o Senegal alfabetizar crianças e desconhecidos os ajudam a abrir escola

O casal Carlos de Melo e Débora Pessoa, ambos com 39 anos, saíram do Brasil e foram para Dakar, no Senegal, para ajudar crianças...

Paciente usa Código Morse para se comunicar e dá chocolates para todas as visitas

As pessoas que têm Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) geralmente ficam bastante debilitadas por causa do enfraquecimento dos músculos e do comprometimento físico, o que...

Instagram