Projeto transforma meias velhas em cobertores para quem precisa

Talvez, você pense que um único par de meias não faz muita diferença para quem precisa se proteger das baixas temperaturas que este ano promete. Mas, se juntarmos milhares de pares de meias e transformá-las em cobertores, a gente começa a pensar diferente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A ideia pode parecer óbvia, mas tem só cinco anos que a Puket criou o projeto Meias do Bem. A iniciativa já arrecadou mais de 1 milhão de pares de meias e impactou mais de 300 mil pessoas, moradores de abrigos e em situação de rua, segundo informações do Hypeness.

Leia também: Idosa aniversariante costura casaquinhos e meias de lã para bebês carentes

Além de aquecer quem mais precisa, o projeto evitou que mais de 30 toneladas de refugos têxteis fossem jogadas no lixo – o número poderia ser maior se mais pessoas conhecessem o Meias do Bem.

meias cobertores crianças albergue

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

É muito fácil doar aquele par de meias que só ocupa espaço na gaveta do seu guarda-roupa. Basta ir até uma das lojas da Pucket espalhadas pelo Brasil e fazer a doação. E se você tiver apenas um pé, ou, ainda, se a meia estiver furada ou rasgada, não tem problema! A doação terá a mesma serventia que um par de meias em bom estado.

Qualquer meia é bem-vinda, inclusive, de outras marcas, e não apenas da Pucket. O Meias do Bem só não recebe meias sociais e meias-calças, já que são elaboradas com um tecido que não pode ser reaproveitado nos cobertores.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Saiba mais sobre o projeto no vídeo abaixo:

meias cobertores moradores rua

meias cobertores crianças abrigo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos © Meias do Bem/Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,429,587SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vilarejo na Uganda recebe água potável pela primeira vez e reação de moradores é de pura alegria

Para os 500 moradores do vilarejo de Namwiwa, na Uganda, ter água potável jorrando do poço é mais que um motivo para comemorar. O...

Mães usam bom humor e fazem aniversário para filhos com tema do coronavírus

Duas mães, uma no Brasil e outra nos EUA, decidiram comemorar o aniversário de seus bebês com um tema que, digamos assim, tem tudo...

O melhor pai do mundo em fotos hilárias e encantadoras

Dave Engledow é fotógrafo, e, por brincadeira, começou a documentar fotos de sua primeira filha, Alice Bee, de forma brincalhona e pouco convencional, misturando...

Cabeleireira que já foi moradora de rua oferece serviços grátis para mulheres desabrigadas

Vanessa Howard sabe o que é não ter nada, pois ela já foi moradora de rua. E é por isso que ela está ajudando essas meninas...

Prefeitura de Olinda lança projeto de educação voltado a pessoas que vivem nas ruas

A partir de uma parceria entre a Prefeitura de Olinda e a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), nasceu o projeto Escola da Vida, iniciativa...

Instagram