Quase 90% dos paulistanos são a favor da construção de novas ciclovias

Como acontece todos os anos, a Rede Nossa São Paulo e o Ibope aproveitam o mês da mobilidade urbana para divulgar uma pesquisa com os dados mais recentes sobre o tema. A oitava edição do estudo foi lançada nesta quinta-feira (18).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A pesquisa mais recente reforça alguns dados apontados em 2013, como é o caso da ampliação das faixas de ônibus, que teve a aprovação de 90% dos entrevistados. No ano passado, quando muitas dessas vias estavam sendo implementadas, 93% afirmaram ser a favor da medida.

Para mais da metade dos entrevistados (64%), é preciso que os governos invistam mais em transporte público. Segundo 58%, é preciso construir e ou ampliar mais linhas do metrô ou trem, 37% acreditam que se deve apostar em mais corredores de ônibus. O item de avaliação mais crítico continua sendo a lotação dos ônibus.

A urgência em melhorar esses meios de locomoção traria benefícios para toda a população, uma vez que 71% dos entrevistados afirmaram que deixariam o carro em casa, caso houvesse uma boa alternativa de transporte.

No ano passado, o paulistano gastava, em média, 2h15 minutos no trânsito, todos os dias – esse tempo subiu para 2h46. O trânsito na cidade foi considerado “ruim” ou “péssimo” por 70% dos entrevistados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em meio a um transporte tão deficiente, subiu de 27% para 38% o índice dos que utilizam o carro “todos os dias” e “quase todos os dias”. Passou de 52%, em 2013, para 62%, em 2014, o número de pessoas que têm carro em casa. O acréscimo foi registrado em todas as faixas de renda, escolaridade e regiões da cidade.

Desde 2008, o tema “saúde” é o maior problema destacado pelos entrevistados. Com a crise deflagrada neste ano, o tema “abastecimento de água” passou de 18º lugar em 2013 para o 6º principal problema de São Paulo. Também aumentou de 11% para 18% o número de paulistanos que consideram a “poluição da água” como tipo de poluição mais grave na cidade.  A “poluição do ar” continua sendo a mais grave para 94% dos entrevistados.

Os entrevistados mencionaram “construção de ciclovias” (26%) e “mais segurança” (26%) como principais fatores para a utilização de bicicletas como meio de transporte.

Leia a matéria na íntegra aqui.

banner

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 11 anos vende latinhas e doa R$ 21,45 para hospital de Antônio Prado (RS)

Um menino de 11 anos vendeu latinhas por uma semana e doou todo o dinheiro conquistado para o único hospital de sua cidade, Antônio...

Em busca de histórias de migrantes, artistas se oferecem para escrever cartas

O coletivo "Estopô Balaio" lançou um convite e 15 pessoas toparam: sessões gratuitas de escrita de cartas. "Sente com a gente, conte uma história, tome um café...

Família adota gato idoso, e nunca imaginou receber tanto amor

Uma família de Utah, nos Estados Unidos, adotou um gato de 20 anos, e não poderia receber amor maior.

Cinema nacional fará parte do currículo escolar na Argentina

Quem aqui já viu um filme argentino? As produções cinematográficas do país são intensas e sempre muito pulsantes, cheias de vida e qualidade. Mas, assim...

Rock por Aleppo terá shows com verba destinada às crianças sírias

Sabia que uma criança síria de até seis anos de idade nunca viu a paz? É isso mesmo. A guerra no país já dura...

Instagram