Rapaz que vendia balas em semáforo de Santos (SP) ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional

Lucas Barbosa conquistava os clientes por sua simplicidade. Após um post nas redes sociais, sua história chegou até um treinador olímpico, que lhe deu a chance de se tornar nadador profissional! Confira seu relato na íntegra:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Minha vida nunca foi fácil… Perdi minha mãe aos 10 anos de idade e meu pai caiu na depressão e na bebida, depois nunca tive um lar, trabalhei muito cedo entregando panfletos e em praças de pedágios pra ganhar um trocado e estudava, mas sempre mantendo a fé em Deus.

Rapaz que vendia balas em semáforo ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional

Era difícil até o dinheiro do pão, minha vida sempre foi dura até quando minha mãe [era viva]. Mas um coisa aprendi com ela: a dignidade e a força de vontade.

Virtudes que casam com o esporte. Já fiz futebol e outros esportes, mas meu maior sonho era a natação. Na minha antiga escola, eu praticava natação, tinha bolsa e tudo, mas com o falecimento dela, perdi essa bolsa, e todas as perspectivas de nadar tinham ‘zerado’.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Rapaz que vendia balas em semáforo ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional

Mas as minhas esperanças jamais cessaram. Não tinha mais lar, nem família, e corria atrás do ganha pão desde muito jovem, a maioria das vezes a vizinhança me dava prato de comida pra não passar fome.

Trabalhava até tarde da noite em semáforos e pedágio, as vezes comia minha própria mercadoria. Com a pandemia as coisas pioraram muito, pois havia menos carros nos semáforos da minha cidade, Santos (SP).

O dinheiro ganho já não dava nem pra comprar o que comer, mas continuei lutando. As dificuldades da vida e o esporte são muito parecidos: você precisa continuar lutando. Por isso me identifiquei tanto [com a natação].

Rapaz que vendia balas em semáforo ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional
Lucas hoje com a esposa e três enteados — Foto: Arquivo Pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Certo dia, que chovia muito, um cara tirou uma foto minha trabalhando debaixo d’água da tempestade, em meio ao frio. Nesse mesmo dia estava com a barriga vazia… O dia inteiro trabalhando. Até que alguém tirou uma foto minha nessa situação (abaixo), não foi algo premeditado ou pensado, apenas aconteceu.

No link aí acima jamais eu pensava que isso iria acontecer na minha vida, uma pessoa me elogiando pelo meu trabalho no farol e exaltando minha educação e simpatia como está nos comentários.

Rapaz que vendia balas em semáforo ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Essa minha história chegou até o Cláudio Miler e, por incrível que pareça, eu já acompanhava ele nas redes sociais.

Ele me deu uma oportunidade e agora sou um nadador profissional!

Rapaz que vendia balas em semáforo ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional

De lá pra cá o esporte fez eu dar um novo rumo pra minha vida, conseguir lidar melhor com as minhas dificuldades e sigo adiante, firme e forte.

Fotos: Arquivo pessoal

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Rapaz que vendia balas em semáforo de Santos (SP) ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,971,659SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mãe e filha usam cascas de ovos para fazer mudas e doá-las nas ruas

Já imaginou que cascas de ovos podem ser reaproveitadas como "mini"depósitos de mudas? Com apenas três anos, Alicia Nunces Micheluzzi já doou mais de mil...

Menina de 10 anos salva recém-nascido vendo vídeos no YouTube

A menina limpou o bebê e até cortou seu cordão umbilical.

Após vaquinha do Razões, Fantástico homenageia enfermeiro que dormia em terraço

A história do Ildo repercutiu após publicarmos uma vaquinha na VOAA para ajudá-lo.

Neta cuida de avó desde o diagnóstico do Alzheimer: ‘Me chama de mãezinha’

A forma mais bonita de corresponder todo o amor recebido dos nossos pais e avós é poder cuidar deles quando eles necessitam. A ativista humanitária...

Instagram

Rapaz que vendia balas em semáforo de Santos (SP) ganha oportunidade e realiza sonho de ser nadador profissional 3