Recadinho aos pais sobre “Dia da Família” de escola municipal de SP viraliza na internet

O mundo está mudando e precisamos dessas mudanças, principalmente quando ela começa na escola com nossas crianças.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os ambientes de ensino precisam se adaptar às novas realidades e isso quer dizer questionar o que sempre fizeram, porque ainda o fazem e se seria a forma mais intelinge continuar fazendo.

Em um desses momentos de reflexão, o EMEI Desembargador Dalmo do Valle Nogueira, que fica no bairro da Vila Sônia, em São Paulo, resolveu que não iriam mais celebrar certas datas.

E para explicar aos adultos responsáveis, postaram em seu Facebook oficial o seguinte recado abaixo (e que é uma verdadeira voadora).

Confira a publicação abaixo:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Prezadas famílias,
Em mais um ano de bastante discussão, a escola resolveu não realizar eventos nas tradicionais “datas comemorativas” (páscoa, dia das mães, dia dos pais, natal, etc). Achamos importante dividir com vocês algumas razões:
1) As datas comemorativas foram tomadas por um aspecto muito comercial (compras, presentes, consumo) e reforçar essa ideia (do carinho estar necessariamente ligado ao presente) não faz parte dos nossos objetivos;

2) Dia das mães e dia dos pais desconsideram a diversidade das famílias existentes. Tem família que não tem mãe presente, família que não tem pai, famílias dos mais variados tipos. Por que dar tanto valor para o dia das mães e dos pais sabendo que não corresponde à realidade de todas nossas crianças? Não seria muito melhor fazer “dia da família”? Achamos que sim!

3) A escola pública é laica e não professa nenhum credo, respeitando a pluralidade de religiões de nosso povo. Portanto, datas comemorativas cristãs não serão tema do nosso dia a dia por também considerarmos que a religião é da intimidade de cada família e deve ser tratada em casa.

4) Algumas festas insistem em colocar as crianças em “apresentações” que acabam se tornando uma tortura para professoras e crianças: ensaios, vergonha de participar e se apresentar, tristeza pela ausência de um familiar na apresentação, choro… Podemos brincar muito de cantar e dançar na escola sem ter que passar por momentos como esse. A intenção da apresentação tem q surgir da própria criança, e não somente responder a um desejo do adulto.

A nossa escola é espaço de cultura brasileira e trabalharemos para ampliar o repertório de todas as crianças, sem discriminação e exclusões. Todas as famílias são bem vindas nos eventos abertos e também para conhecer o nosso trabalho, que busca trazer novidades e conhecimentos, sempre respeitando as crianças pequenas e seu modo vivo e alegre de ser.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Atenciosamente,
Emei Des. Dalmo do Valle Nogueira

Sobre datas comemorativas…Prezadas famílias, Em mais um ano de bastante discussão, a escola resolveu não realizar…

Publicado por Emei Dalmo Do Valle Nogueira em Segunda, 21 de março de 2016

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: Super Pride

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM










Recadinho aos pais sobre “Dia da Família” de escola municipal de SP viraliza na internet 4

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,145,534SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cão que ficou preso durante 8 anos experimenta a liberdade com bichinhos de pelúcia

Quando for adotar um cãozinho, dê preferência para aqueles que têm poucas chances de serem adotados.

Bebê abraça mulher com mesma condição que ele e emociona a todos

É comum para um bebê "estranhar" a visita de alguém que ele nunca viu na vida, ainda mais se essa pessoa tentar pegá-lo no...

Jason Momoa, o Aquaman, faz videochamada com seu maior fã que luta contra o câncer

Danny é um garotinho de Massachusetts (EUA), completamente apaixonado pelo Aquaman. Foi depois de ver vídeo dele super feliz porque ganhou um boneco do...

Idosos montam “barraquinha” para distribuir bom humor e conselhos grátis

Vizinhos entediados se reúnem todo fim de semana em uma mesa de discussões onde oferecem conselhos grátis a qualquer um que passe por ali. Um...

Ex-catadora de latinhas que passava fome é aprovada em concurso e sua história vai virar filme

Essa história vai virar filme, ainda bem, pois merece! Marilene Lopes é uma ex-catadora de latinhas, que ganhava 50 reais por mês para sustentar os filhos...

Instagram

Recadinho aos pais sobre “Dia da Família” de escola municipal de SP viraliza na internet 5