“Honestidade aprendi com minha família”, diz reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano

Há alguns dias, enquanto procurava recicláveis no aterro sanitário de Novo Hamburgo (RS), Wesley Zaqueu Soares, 20 anos, encontrou uma sacola descartada por engano que continha R$ 4 mil em espécie.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O reciclador, que trabalha de forma terceirizada, já sabia que o dinheiro pertencia à José Roque de Lima, 56, que usaria a quantia para pagar as contas do seu minimercado.

“O Roque veio aqui desesperado, dizendo que tinha jogado a sacola no lixo. Mas, sinceramente, eu achei que a gente não ia mais encontrar. Passa muito resíduo por aqui”, disse o jovem.

reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano

Todos os dias, Wesley trabalha na limpeza e manutenção da Central de Resíduos da Roselândia. Na última terça-feira (4), dia em que o dinheiro foi jogado fora, ele estava no transbordo dos caminhões.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apesar de cético com a recuperação do dinheiro, foi ele quem encontrou o saco recheado com as cédulas, momentos antes do pacote ir para as esteiras de seleção.

“Na hora que encontrei, eu só pensava no desespero do senhor, que tinha separado o dinheiro para pagar as contas. Honestidade aprendi com minha família. Espero que seja um exemplo para um 2022 melhor“, afirmou o rapaz em entrevista à Rádio Gaúcha dois dias depois do achado.

reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano

No aterro, passam 180 toneladas de descartes todos os dias. Daí o milagre de ter encontrado a sacola de Roque.

O microempresário passou horas procurando a bolada, recusando até almoçar na cooperativa para encontrar o pacote. No início da tarde, já sem esperanças e completamente exausto, ele decidiu parar. Pouco depois, Wesley enfim achou o que ele tanto procurava.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No final da tarde, Roque se encontrou com os 70 recicladores da cooperativa e agradeceu pela busca. Antes de partir, tirou uma foto com toda a equipe. “Foi um grande susto, mas graças a Deus eu consegui recuperar. Vou conseguir pagar meus boletos”, afirmou.

reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano

Enquanto isso, Wesley persevera em sua rotina. Hoje, ele ganha pouco mais de um salário mínimo para uma função das 7h às 16h.

Depois do trabalho, corre para seu curso de gastronomia, apesar de seu sonho ser outro: tornar-se policial rodoviário federal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na cooperativa, a devolução da quantia encontrada é contada com orgulho por todos. Para os recicladores, o destino final daquele dinheiro deveria ser o mesmo: “O que não é nosso tem que ser devolvido”, resumiu a recicladora Adriana da Veiga, 31 anos.

“É um exemplo, importante para mostrar a todos nossa honestidade”, completou Cristiano da Silva Onofre, 36.

Fonte: UOL
Fotos: Tiago Boff / Agência RBS

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM







"Honestidade aprendi com minha família", diz reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,080,475SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Fã assiste à versão inacabada do novo Star Trek antes de morrer

Sofrendo de um câncer terminal, o fã de Jornada nas Estrelas Daniel Craft  tinha um último desejo: assistir a Além da Escuridão: Star Trek, novo filme da saga dirigido...

Projeto facilita você a doar comida que sobrou em sua casa e que iria para o lixo

O mais legal é que a ideia pode ser levada para o lugar onde você mora!

Toda equipada, enfermeira italiana cuida de bebê com Covid-19 ‘como se fosse seu’ e foto viraliza

Em tempos de Covid-19, precisamos ficar distantes de nossos entes queridos para que não haja a transmissão do vírus. Foi isso o que aconteceu...

Vendedor ambulante que teve cachorro furtado o reencontra após vários dias de busca no México

Um idoso que trabalha como vendedor ambulante nas ruas da Cidade do México ficou inconsolável ao descobrir que seu fiel companheiro, um cachorro chamado...

Pimeira embaixadora brasileira com síndrome de Down da L’Oréal Paris junta-se a nomes como Taís Araújo e Iza

Acreditar não é clichê, acreditar é ação. E não, não precisamos acreditar sozinhos!. Foi com essas palavras que Maria Júlia de Araújo Dias, a...

Instagram

"Honestidade aprendi com minha família", diz reciclador que devolveu R$ 4 mil jogados no lixo por engano 3