Refugiado que fugiu da guerra civil no Congo quebra recorde paralímpico em Tóquio: ‘Tudo é possível’

No último domingo (29), o paratleta Salum Ageze Kashafali superou tudo e todos para anotar a melhor marca de toda a história dos Jogos Paralímpicos!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O norueguês correu os 100m rasos (da categoria T12) em 10 segundos e 43 décimos (10s43).

refugiado quebra recorde olímpico tóquio

Logo após a prova – dedicada a atletas de baixa visão, – Salum não conseguiu segurar as lágrimas e lembrou da fuga de sua família da guerra civil que ceifou milhares de vidas na República Democrática do Congo quando ele era uma criança.

“Não sei o que dizer, cara (começa a chorar). Eu vim do nada. Eu pedia esmola nas ruas. Eu acreditei. Me mudei para a Noruega como refugiado. Passei por tanta coisa, de tiros à fome, e estar aqui como um dos melhores significa muito para mim. Valeu a pena. Fui de zero a alguma coisa. Tudo é possível. Estou muito feliz em ser um dos atletas paralímpicos mais velozes da história”, disse o rapaz, que encontrou abrirgo e incentivo na Noruega.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

refugiado quebra recorde olímpico tóquio

O objetivo era ganhar uma medalha. Eu sei que sou veloz, mas não esperava correr tão rápido assim. Isto foi apenas um bônus”, completou Salum.

De acordo com o Comitê da Tóquio-2020, o norueguês bateu por 3 centésimos a marca do irlandês Jason Smyth que fez os 100m em 10s 46 em Londres 2012 – estabelecendo um novo recorde paralímpico.

O mais legal é que o recorde mundial dessa prova é de um brasileiro: Petrúcio Ferreira Santos, no Mundial de 2019, fez 10s42, garantindo o número absoluto da modalidade.

Refugiado que fugiu da guerra civil no Congo quebra recorde paralímpico em Tóquio: 'Tudo é possível' 1

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja também:

Fonte: GE.com
Fotos: Athit Perawongmetha

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM










Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,810,195SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mari Palma emociona ao revelar que pai cego fica em frente à TV para prestigiá-la

A jornalista e apresentadora Mari Palma, 30 anos, fez uma homenagem nas redes sociais carregada de amor e admiração pelo pai, Luiz Palma, que...

Pai faz blog/diário para registrar momentos que seus filhos poderão acessar quando adultos

O pai (e escritor) é Pedro Fonseca, ele criou o blog Do seu pai, onde escreve cartas para seus filhos, João e Irene, e...

Conheça Jessica Cox, a primeira pilota sem braços

Ela nasceu sem braços, mas isso não impediu Jessica Cox de ter grandes conquistas em seu nome. Conquistas como ser o primeiro sem braços faixa-preta no...

Estudante brasileiro cria app para facilitar doação de cupons fiscais (sem CPF) e ajudar ONGs

Já pensou de que forma seu talento poderia ajudar o mundo? O Eduardo Folly, aluno de mestrado da Insper, pensou nisso e desenvolveu um app para...

Pais de 3 filhos pequenos dividem suas experiências na Internet e mostram qual é o verdadeiro trabalho da vida!

Este post vai te fazer olhar para o trabalho sob uma nova perspectiva! Estas fotos foram postadas no Facebook Potencial Gestante e depois o...

Instagram

Refugiado que fugiu da guerra civil no Congo quebra recorde paralímpico em Tóquio: 'Tudo é possível' 2