Refugiado sírio leva sanduíches a moradores de Brumadinho

“Eu só queria fazer alguma coisa por este país que me recebeu”, disse o refugiado sírio Elyan Sokkar. Na manhã do último sábado (2), Sokkar colocou no carro 90 sanduíches, 30 quibes e 30 esfihas no carro e partiu para Brumadinho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em entrevista para o G1, ele disse que só queria fazer alguma coisa pelo país que o acolheu: Sokkar fugiu da Síria em 2014. “A gente decidiu levar lanches. Comecei a dirigir e nem sabia direito para onde estava indo”, afirma.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Hoje acordamos cedo, Brumadinho estamos chegamos com nossos sanduíches delicioso de Falafel, kibes, esfirras, uma coisa pequena nos podemos ajudar vocês meus queridos 🙏🏻🙏🏻 #brumadinho ❤️

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma publicação compartilhada por Sítio Sírio: Gastronomia Árabe (@sitiosirio) em

Leia também: Cidade mineira de Muriaé barra atividade mineradora e transforma entorno em Patrimônio Hídrico

O sírio parou no Córrego do Feijão, distrito de Brumadinho engolido pelo “mar de lama”. Ele encontrou voluntários que o ajudaram a entregar os sanduíches e salgados às famílias de vítimas e moradores.

Sokkar abriu uma lanchonete em Belo Horizonte junto com outro refugiado, John Eshak. Ele disse que seu país foi arrasado pela guerra, e que se lembrou da cidade natal quando viu as imagens de Brumadinho pela televisão.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

crédito das fotos: Reprodução/Arquivo pessoal

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,777,376SeguidoresSeguir
23,544SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mulher pede ao marido nunca deixar de molhar sua planta depois que morrer, anos depois ele descobre que é de plástico

Antonia Nicol trabalha no corpo de bombeiros de Londres, mas seu pai vive na África do Sul, na cidade de Johanesburgo. Infelizmente, por conta...

Número de pontos elétricos de recarga supera bombas de gasolina no Japão

O país asiático tem 50 mil pontos de recarga para veículos elétricos.

Cozinha do bem ajuda em doações para instituições beneficentes

As pessoas são melhores do que imaginam. Fazemos diariamente pequenas ações que tem grande significado. Quer ver: Quem nunca cedeu seu assento para um idoso?...

Startup brasileira possibilita atendimento em Libras por videoconferência

Seja no trabalho, na escola, no shopping ou em uma repartição pública, a falta de acessibilidade compromete o cotidiano e a qualidade de vida...

Assista ao primeiro comercial com beijo gay da TV brasileira

A campanha da ONG Movimento do Espírito Lilás (MEL), em parceria com o Ministério Público do Trabalho, lançada no mês de maio, em alusão...

Instagram

Refugiado sírio leva sanduíches a moradores de Brumadinho 3