Reino Unido vai pedir perdão a homossexuais condenados por sua orientação sexual

O governo britânico emitiu um comunicado na quinta-feira (20) dizendo que vai perdoar pessoas condenadas pelo ‘crime’ de serem homossexuais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Até 1967, era considerado crime manter relações homossexuais na Inglaterra e no País de Gales. Na Escócia, foi considerado crime até 1980 e na Irlanda do Norte, até 1982.

Sam Gyimah, secretário de Justiça do Reino Unido, afirmou que é muito importante dar perdão a pessoas que foram condenadas por sua orientação sexual, pois elas “seriam inocentes de qualquer crime hoje em dia”. O “indulto moral” foi proposto pelo deputado John Skarkey, do Partido Liberal-Democrata.

A medida é uma conquista do movimento “Alan Turing Law”, criado em homenagem ao matemático britânico Alan Turing, que ajudou a decifrar os códigos nazistas durante a II Guerra Mundial.

Turing foi condenado por se relacionar com um jovem de 19 anos, em 1952. Ele foi castrado quimicamente e cometeu suicídio dois anos depois.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A medida é uma conquista do movimento “Alan Turing Law”, criado em homenagem ao matemático britânico Alan Turing, que ajudou a decifrar os códigos nazistas durante a II Guerra Mundial (Foto: AFP)
A medida também é uma conquista do movimento “Alan Turing Law”, criado em homenagem ao matemático britânico Alan Turing, que ajudou a decifrar os códigos nazistas durante a II Guerra Mundial (Foto: AFP)

A rainha Elizabeth II havia concedido perdão ao matemático em 2013, mas o movimento exigia que o perdão fosse concedido a todas as pessoas que foram condenadas por sua orientação sexual. Uma das pessoas que apoiaram a causa foi o ator britânico Benedict Cumberbatch, que interpretou o matemático no filme “O Jogo da Imitação”.

O escritor e ativista homossexual George Montague, acusado em 1974, comemorou a decisão, mas disse que não aceitará o pedido de perdão. “Aceitar um perdão é admitir que foi culpado. Eu não fui culpado de nada. Só fui culpado de estar no lugar errado no momento errado”, declarou ele à rede BBC.

Com informações do Super Pride / Foto de capa: annah McKay/EPA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,805,848SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Maru é o cachorro mais sorridente do Instagram e essas fotos vão te provar isso

Maru é um doguinho da raça Shiba Inu, que vem fazendo muito sucesso no Instagram por, digamos, sua simpatia! 😃😃 Ele tem 7 anos e...

Fotos apaixonantes de crianças interagindo inocentemente com esculturas

Por que a gente perde aquela coisa sincera que só as crianças têm? Aquela coisa de amar tudo e todos, incluindo objetos, como se eles...

Cadela que teve roupinha do corpo roubada por homem ganha outra de médica veterinária

Na sexta-feira passada (2), uma cadela foi vítima de um furto no portão de sua própria casa, em Sorocaba, no interior paulista. Enquanto ela alegremente...

Amigos fazem baile de formatura no quarto do hospital para amiga com câncer

Uma garota norte americana chamada Katelyn Norman de apenas 14 anos possui um tipo de câncer que é conhecido por debilitar as pessoas que...

Menina de 5 anos salva família de grave acidente de carro em ato heróico

Essa é uma daquelas histórias que poderiam virar enredo de filme e, o mais importante, com final feliz, que é o que o mundo...

Instagram

Reino Unido vai pedir perdão a homossexuais condenados por sua orientação sexual 3