Os massagistas deste centro de massagem na Índia são todos cegos


Os massagistas deste centro de massagem na Índia são todos cegos 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Por Giovanna Di Giacomo

Deficientes visuais normalmente possuem uma dificuldade maior em se inserir no mercado profissional. Na Índia, país com 1.28 bilhões de habitantes, grande parte da sociedade os considera incapazes e espera que eles acabem virando pedintes ou que passem a vida inteira sendo cuidados por outra pessoa. Há até quem diga que se existe um cego na família, é “karma” de vidas passadas.

Porém, em uma simpática casa chamada “Milagres House”, localizada em Bandra, bairro de colonização portuguesa, em Mumbai, noroeste da Índia, alguém os enxergou de forma diferente.  Lá funciona o Mettā Foot Reflexology Centre, um centro de reflexologia e massagem, onde todos os massagistas são deficientes visuais.

dsc_0594

Ao entrar no local uma sensação de tranquilidade é transmitida. Luzes negras iluminam o centro e uma música tailandesa suave ao fundo completa o clima de paz.

dsc_0600

A dona e fundadora do local, Joanita Figueiredo, indiana com descendência portuguesa, criou o slogan “from sole to soul”, ou seja, da sola para a alma. O objetivo do instituto é tornar a vida das pessoas um pouco mais leve. Joanita diz que os clientes da Mettā, não podem lhe contar seus problemas, mas, por meio da massagem ela ajuda a fazer com que eles se preocupem menos.

Joanita é enfermeira e professora de yoga. Ela jamais tinha planejado criar algo como o Instituto. Porém, após receber uma massagem durante férias na Tailândia, ela se sentiu renovada e decidiu que queria transmitir o mesmo para mais pessoas. Estudou reflexologia em Xangai, e, ao retornar para a Índia, sua amiga que é professora na escola da NAB, National Association of the Blind (Associação Nacional do Cego), sugeriu que ela ensinasse massagem aos cegos.

dsc_0603

PUBLICIDADE ANUNCIE

Atualmente, os massagistas deficientes visuais, que vem de todas as partes da Índia, passam por um treinamento de 6 meses na NAB, antes de iniciarem seu trabalho no Mettā. Joanita acredita que o maior ganho deles é a auto estima pois eles chegam com muitos problemas, porém, o trabalho lhes dá a dignidade de ter uma vida normal.

O maior diferencial da massagem realizada por cegos é que os sentidos deles são mais apurados. Eles ficam totalmente concentrados, não são afetados pelas distrações da visão. Além disso, eles não veem a pessoa que estão massageando, então, a realizam sem julgamentos. Atores de Bollywood (versão indiana de Hollywood) já passaram pelo Mettā e os massagistas não entendem porque as pessoas com visão normal ficam tão empolgadas ao vê-los, já que eles não possuem “três pés”, ou algo diferente perceptível ao toque, eles os consideram pessoas comuns, como qualquer outro cliente.

A yoga teve forte influência no trabalho de Joanita. Ela a ensina aos massagistas diariamente pela manhã porque o corpo deles precisa estar estável para realizar as massagens. Além disso, eles praticam técnicas de respiração (pranayamas) e cantam mantras, para aumentar a concentração e relaxar a mente.

Recentemente, seu trabalho foi divulgado na página “Humans of Bombay” (Humanos de Bombay) no facebook e a procura pelo serviço cresceu, mas, ela não pensa em expandir o negócio. O maior sonho de Joanita é que cada um dos massagistas abra uma filial para, assim, atingir mais pessoas. Apesar de já ter recebido propostas, ela se recusa a vender franquias. Ela afirma que seu negócio precisa ter a arte do coração e da alma e quer que ele cresça através de “suas crianças”.

Joanita acredita que os massagistas deficientes visuais são seus professores espirituais e que ninguém pode lhe ensinar o mesmo que eles. Na parede da Mettā há uma placa com a seguinte mensagem: “Being happy doesn’t mean everything’s perfect. It means you decided to see beyond the imperfections”, ou seja, “Ser feliz não significa que tudo está perfeito. Significa que você decidiu ver além das imperfeições.”

dsc_0604

Mettā é uma palavra que vem do idioma Pali, língua litúrgica utilizada na escola Teravada do budismo e significa “gentileza adorável”. A massagem no corpo todo custa apenas 500 Rúpias, equivalente a R$27,00.

Para quem estiver por Mumbai, essa é uma experiência incrível e que acredito que não está em guias de viagem. O endereço é: 18 B, Pali Village, Bandra (West) Mumbai 400050.

Mais informações no site: mettaafootspa.com

Giovanna Di Giacomo morou 6 meses na Índia, no ano passado. Ela criou o blog Inner Peace Journey, onde relata algumas das experiências que teve por lá. Visite também a página do projeto no Facebook.

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar