Personagem autista André é capa da revista da Turma da Mônica de julho


Personagem autista André é capa da revista da Turma da Mônica de julho
PUBLICIDADE ANUNCIE

O personagem André, criado pelo desenhista Mauricio de Sousa em 2003, especialmente para falar sobre o autismo, é capa e o tema da principal história em quadrinhos da revista Turma da Mônica nº 51, de julho – Tem lugar pra todo mundo nessa turma.

A história se passa durante as comemorações dos 60 anos dos Estúdios Mauricio de Sousa, que recebe a visita de André, um amiguinho muito especial, mas que ninguém contava que fosse aprontar tanto! Depois de descobrir uma passagem secreta, ele se aventura pelo mundo da turminha mais amada do Brasil e, durante seu passeio, repete frases ou palavras que ouve de outras pessoas ou mesmo da TV. Esse é um dos sintomas, conhecido como ecolalia, do autismo ou Transtorno do Espectro do Autismo (TEA).

[Aos 23 anos, o Julio, que tem autismo severo, precisa ser amarrado em momentos de crise. Também por falta de tratamento ele parou de falar há muitos anos e precisa de um acompanhamento em clínicas e psicoterapeutas. Queremos custear um tratamento pra ele e comprar moveis para a família em Fortaleza (CE) viver um pouco melhor. Contribua aqui.]

O personagem André, que até então fazia parte de conteúdos institucionais via Instituto Mauricio de Sousa, vem ganhando destaque para que as famílias possam entender melhor sobre o autismo e conviver de maneira positiva, aprendendo com as crianças dentro do Transtorno do Espectro do Autismo.

Personagem autista André é capa da revista da Turma da Mônica de julho

PUBLICIDADE ANUNCIE

“A participação cada vez maior do André nas histórias da Turminha é importante para mostrar para a criançada de um jeito lúdico como todos ganham ao conviver com as diferenças. Além disso, temos muito fãs dentro do Transtorno do Espectro do Autismo e queremos que eles se sintam representados”, diz o desenhista Mauricio de Sousa.

Leia também: 

“O André nas bancas não só mostra uma inclusão efetiva do personagem autista nas histórias em quadrinhos, como também provoca um processo de conscientização mais natural sobre autismo — diferente das importantes cartilhas e materiais mais didáticos — e voltado ao público em geral, não só aos já interessados no assunto, contribuindo com o diagnóstico e tratamento precoces”, afirma Francisco Paiva Jr., editor da Revista Autismo.

É possível ler algumas páginas da HQ no site da Revista Autismo, aqui. A HQ completa está na revista Turma da Mônica 51, já nas bancas.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Imagens: Divulgação

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar