Restaurante decidiu contratar “vovós” e agora tem a melhor comida caseira

Não precisamos nos deslocar para um restaurante mundialmente reconhecido para desfrutarmos de uma refeição deliciosa – às vezes tudo que precisamos fazer é visitar nossos avós, que preparam os pratos caseiros mais saborosos do mundo, sempre com aquele ingrediente especial e único: o amor.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Baseado nesse conceito, o dono de um restaurante em Staten Island, em Nova York, decidiu revolucionar seu empreendimento, crente no sucesso da empreitada.

Na Enoteca Maria, ao invés de conceituados chefs de cozinha e ícones da gastronomia mundial, as cozinheiras são experientes vovós de diferentes partes do mundo, especialistas em comida caseira.

Restaurante decidiu contratar "vovós" e agora tem a melhor comida caseira

O gerente do restaurante, Jody Scaravella, conta que ficou inspirado a mudar o time de funcionários e o cardápio do estabelecimento após perder sua própria avó, sua mãe e irmã. “Acho que eu estava inconscientemente tentando remendar os buracos da minha vida e ver uma avó italiana na cozinha era uma forma de conforto”, desabafou ele ao portal Gothamist.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia tambémVovô cozinha porções gigantes para crianças órfãs na Índia

Tudo começou com Scaravella postando um aviso em um jornal italiano que dizia “donas de casa italianas querem cozinhar pratos regionais”. Após isso, ele expandiu seu time de chefs: contratou vovós de diferentes culturas e etnias para cozinhar os mais variados pratos do mundo.

Restaurante decidiu contratar "vovós" e agora tem a melhor comida caseira

Agora, o Enoteca Maria tem cozinheiras da Nigéria, Turquia, Equador, Síria, Polônia, Venezuela e França, dentre outras nações. Na equipe, Scaravella também conta com o apoio de um “vovô” que faz massas frescas para o preparo de nhoque e ravióli.

Sucesso absoluto em Nova York, o restaurante acertou na mistura entre receitas antigas – passadas de geração em geração, – com um público-alvo desejoso de reviver memórias antigas da infância e juventude.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Recentemente, Jody Scaravella até lançou um livro de receitas com os 10 pratos favoritos de suas adoradas ‘chefs-vovós’. Confira mais detalhe dessa história no vídeo abaixo:

Leia tambémO restaurante que reaproveita quase tudo e quase não produz lixo

Compartilhe o post com seus amigos!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Mulher Contemporânea
Fotos: Divulgação / Enoteca Maria

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,849,393SeguidoresSeguir
24,900SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mesmo com tão pouca idade, essa linda menina já fala quatro idiomas

Estamos apaixonados por essa menina! Com essa pouca idade (infelizmente não conseguimos identificar quantos anos ela tem), ela conta até 10, não em um...

A finalidade da Educação – O Yoga no ambiente escolar

Por Cássia Parmeggiani A finalidade da educação não é apenas transmitir conhecimento, mas explorar os talentos e potencialidades dos alunos. É ajudá-los a se desenvolver física,...

Mulheres em situação de rua têm suas vidas ressignificadas em casa de acolhimento

(Por Claudia Corbett) São muitos sonhos e planos a serem traçados por mulheres em situação de rua, que têm a oportunidade de ressignificar suas vidas...

Casal de POA cria marca infantil sem definição de gênero e com responsabilidade social

Eles também quiseram fugir da questão de gênero, e não diferem suas peças entre meninos e meninas. “A gente acredita em educar para as diferenças, e não para a semelhança.

Instagram

Restaurante decidiu contratar "vovós" e agora tem a melhor comida caseira 2