Restaurante emprega transexuais em João Pessoa (PB): ‘Essa família me adotou’

O preconceito contra travestis e transexuais dificulta (e muito!) sua entrada no mercado de trabalho formal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Felizmente, há exemplos que inspiram uma mudança de paradigma, como um restaurante em João Pessoa (PB). Lá, a maioria dos funcionários são transexuais.

Uma delas, Júlia Ariella, 23 anos, trabalha há dois anos no estabelecimento (que funciona há três). Nascida no sertão paraibano, a jovem mora há quatro anos na capital paraibana, onde começou a transição de gênero após deixar a casa dos pais.

Restaurante emprega e acolhe transexuais em João Pessoa

“Desde pequena, na minha cabeça, eu já era mulher. Mas eu não podia assumir porque minha família não ia aceitar como era”, disse Júlia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foram dois anos buscando emprego até encontrar o restaurante. “No momento que cheguei na empresa fui muito bem acolhida. Passei por muitas situações difíceis, para toda trans o mercado de trabalho é muito difícil. Essa família me adotou, eu considero uma família. Me dedico muito à empresa”, destacou.

Tudo foi possível graças à iniciativa de Larissa Dias, proprietária do restaurante Mundial Galetos, que tem três unidades: 5 dos 8 funcionários da empresa são transexuais.

Restaurante emprega e acolhe transexuais em João Pessoa

Larissa explica que a atitude surgiu por ela ser amiga de pessoas meio LGBT. “É uma honra pra mim tá contratando e ter elas junto comigo. Aqui nunca teve diferenciação… as meninas são muito responsáveis, proativas, honestas, humildes e elogiadas pelo atendimento”, disse a empresária.

Leia também: Piauí inaugura ambulatório especializado para travestis e transexuais

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Júlia afirma que nunca sofreu transfobia no restaurante, tampouco na família. “Para mim, foram muitas mudanças, eu olho minha foto como menino e agora como menina, é totalmente diferente. Hoje eu tô lá em cima, porque antigamente eu não vivi como tô vivendo agora, com autoestima renovada”, revelou.

Restaurante emprega e acolhe transexuais em João Pessoa

O próximo passo é ingressar na faculdade. Ela deseja cursar Publicidade e Propaganda. Para ela, a conquista do emprego foi essencial para a guinada na sua vida.

“Empresários e empresárias abram mais oportunidades de emprego, somos muito responsáveis, tem que dar mais oportunidades pra gente e não generalizar com outras realidades”, concluiu.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Jovem trans dá aulas de inglês gratuitas para transexuais em igreja inclusiva no RJ

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: G1/Fotos: Diego Rodrigues/Centro de Cidadania LGBT

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,022,016FãsCurtir
2,165,102SeguidoresSeguir
11,577SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Jovens e agricultores se unem e abrem bibliotecas na zona rural da Paraíba

Eu já estou apaixonado por essa história antes mesmo de começar a contar pra vocês. Esse é um exemplo de que a união entre...

Com 4 filhos pequenos, dona de casa abandonada por marido recebe apoio de internautas

A jovem mamãe Andreza Santos Araújo, 23 anos, mora e cria sozinha seus quatro filhos pequenos em Várzea Grande, Mato Grosso. Desde que o...

Universitário de 92 anos se adapta à tecnologia e nos dá uma linda lição de resiliência e otimismo

Não existe idade certa para realizarmos nossos sonhos e o universitário Carlos Augusto Manço, que entrou na faculdade aos 90 anos, é um dos...

Supermercado mobiliza internautas e encontra cliente que perdeu R$ 840 dentro da loja

O seu João foi fazer compras no supermercado Rei da Economia, em Solânea (PB), e acabou deixando cair uma bolada de R$ 840 no...

Instagram