Cientistas brasileiros criam robô autônomo que descontamina ambientes hospitalares

A robótica aplicada na área da saúde ganhou um novo olhar em tempos de pandemia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Exemplo disso é o trabalho pioneiro realizado pelo Grupo Phi Robotics Research Lab, sediado no Instituto de Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e coordenado pela membro do IEEE, professora Mariana Kolberg, que prevê a descontaminação de ambientes hospitalares por meio da utilização de robôs autônomo.

O dispositivo usa luz ultravioleta e névoa ozonizada para prevenir e reduzir a propagação de agentes infecciosos como o coronavírus.

“A tarefa realizada pelo nosso grupo consiste em dotar os robôs de autonomia para que consigam se deslocar com eficiência a fim de emitir adequadamente luz ultravioleta em todo o ambiente para descontaminá-lo. Para isso, mantemos um controle da área desinfectada, com um mapa que mostra o que foi descontaminado e o que não foi”, revela Edson Prestes, membro do Instituto dos Engenheiros Eletrônicos e Eletricistas (IEEE).

O instituto é a maior organização técnico-profissional do mundo dedicada ao avanço da tecnologia em benefício da humanidade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesses casos, os robôs poderiam funcionar de forma autônoma ou controlados por um operador humano. “Muitas vidas poderiam ter sido salvas com essa tecnologia nos hospitais durante os momentos mais agudos da pandemia”, afirma Edson.

Cientistas brasileiros criam robô autônomo que descontamina ambientes hospitalares

Tecnologias aplicadas à saúde

As pesquisas com a robótica aplicadas à saúde não param por aí.

Cientistas estudam o emprego de pílulas robóticas que, ingeridas pelos pacientes, podem navegar pelo corpo humano, filmando órgãos internos e áreas de interesse dos médicos, para um diagnóstico mais assertivo. “Seria muito menos agressiva do que os exames de endoscopia e colonoscopia, por exemplo”, enfatizou.

Segundo Prestes, durante os anos de pandemia, houve uma maior atenção às tecnologias aplicadas à saúde, com o desenvolvimento de novos sistemas como nas videoconferências e telemedicina, que utilizam a robótica para a realização de cirurgias ou como suporte tecnológico ao médico.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Cientistas brasileiros criam robô autônomo que descontamina ambientes hospitalares

Sobre o IEEE

O IEEE é a maior organização profissional técnica do mundo dedicada ao avanço da tecnologia em benefício da humanidade.

Seus membros inspiram uma comunidade global a inovar para um futuro melhor por meio de seus mais de 420.000 membros em mais de 160 países.

Suas publicações, conferências, padrões de tecnologia e atividades profissionais são recomendadas por diversos especialistas. O IEEE é a fonte confiável para informações de engenharia, computação e tecnologia em todo o mundo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Instituto dos Engenheiros Eletrônicos e Eletricistas

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Cientistas brasileiros criam robô autônomo que descontamina ambientes hospitalares 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,981,416SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Anvisa aprova uso de vacinas contra Covid-19 e enfermeira paulista é a primeira a ser vacinada no Brasil

A notícia mais esperada dos últimos meses no país chega em uma tarde de domingo. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o...

[VIDEO] Entregador de pizza entra em casa pegando fogo e salva 5 pessoas nos EUA

Um entregador de pizzas virou herói na Louisiana, EUA, após ter entrado 2 vezes em uma casa que estava pegando fogo para salvar cinco...

Bebê faz ‘cara de brava’ ao nascer e a internet já tem um novo meme

A bebê Isabela nasceu na quinta-feira passada (13) e já chegou ao mundo causando: em uma série de fotos tiradas logo após o parto,...

Projeto fotográfico mostra o implacável efeito do tempo nas pessoas

O projeto do fotógrafo Jan Langer mostra imagens de pessoas mais velhas com fotos de suas feições enquanto jovens. Quase sempre, quando conhecemos pessoas...

Médico e grávida dançam “Paradinha” antes de realizarem o parto

O médico obstetra Fernando Guedes da Cunha, de Vila Velha (ES), teve uma alternativa muito divertida para acalmar Camila Rocha, sua paciente grávida, e...

Instagram

Cientistas brasileiros criam robô autônomo que descontamina ambientes hospitalares 3