Salvador ganhará faixas de pedestres nas cores do arco-íris

A partir de 22 de outubro, Salvador ganhará faixas de pedestres nas cores da bandeira do orgulho LGBT, chamando atenção para importância de políticas de proteção aos direitos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Países como Estados Unidos, Canadá, Chile e Austrália já adotaram a iniciativa, que acontece pela primeira no Brasil.

A autora do projeto, Larisa Moraes, afirma que a ação é uma forma da capital baiana dar visibilidade e demonstrar respeito à comunidade LGBT. “Além de ser um marco na nossa luta, vai incrementar o turismo na cidade, visto que se tornará uma referência nacional, já que Salvador será a pioneira a realizar este modelo de ação no país.”

via [Gay1]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,637,823SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Prefeito proíbe que moradores de vilarejo italiano morram5

O decreto aprovado pelo prefeito da pequena aldeia de Sellia, Davide Zicchinella, 40 anos, pretende frear o processo de esvaziamento do vilarejo da Calábria...

“Cada Uma”: projeto valoriza a diversidade e autoestima feminina, sem retoques

Cada Uma é o nome do projeto dos fotógrafos Felipe Mariano e Jessica Chamma que está valorizando a diversidade e autoestima feminina. Além de ensaios...

Há 10 anos esse homem cuida de mais de 4 mil periquitos selvagens em sua casa

Conheça o homem que cuida de mais de 4.000 periquitos selvagens em sua casa em Chennai, na Índia. Sekar, que trabalha consertando câmeras, não imaginava que se tornaria...

[VÍDEO] Jovem vence paralisia e se torna instrutora de ginástica com movimentos de artes marciais

Aos 21 anos, a jovem venezuelana Katrina Parra ficou paralisada do pescoço para baixo, devido a uma doença rara chamada porfiria, que pode causar paralisia...

Instagram