Samsung cria app para ensinar violão a deficientes visuais

O Brasil mais de 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual, sendo 582 mil com cegueira e seis milhões com baixa visão, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). É pensando nesse público que a Samsung deu início a sua mais nova empreitada: um app gratuito para ensinar violão a pessoas cegas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Batizada de Samsung Áudio Acordes, a ferramenta inovadora e inédita no Brasil utiliza um sistema de voz para dar aulas de música, expandindo métodos de aprendizado que não necessariamente usam cifras em Braille, conhecida por apenas 10% da população. “O grande problema é que nenhum curso convencional está adaptado para pessoas com deficiência visual. A proposta dessa iniciativa é dar aulas em áudio, de forma detalhada, para que haja motivação em aprender”, explicou Laércio Sant’anna, analista de sistemas formado em música erudita e colaborador do aplicativo.

Até o final de setembro o app vai oferecer 30 músicas de diferentes estilos e complexidades. A medida em que a música escolhida vai tocando, um comando de áudio avisa as notas da partitura na sequência, facilitando a compreensão e fluidez. “Mais do que ensinar violão, o projeto permite a sociabilização, a integração com as pessoas”, finalizou o músico.

A cantora lírica e pianista Giovanna Maira também relatou a sua experiência com a nova ferramenta. “Comecei a tocar piano com três anos de idade e precisei muito dos olhinhos alheios para me ajudar. É muito inconveniente aprender dessa forma. O app realmente transformou esse obstáculo em diversão”.

samsung audio acordes

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Disponível na Play Store para smartphones e tablets da Samsung com Android a partir da versão 4.4  e também via site para todos os notebooks, computadores, tablets e smartphones, o aplicativo é 100% acessível para pessoas com diferentes níveis de deficiência visual e oferece aos iniciantes um áudio dicionário que ensina a tocar os acordes. Além disso, por meio da plataforma, é possível salvar as músicas favoritas e compartilhá-las com os amigos por meio das redes sociais. Em breve, os usuários também poderão acessar áudio aulas, que ensinam a tocar violão desde o nível básico.

samsung audio acordes

Para expandir o número de instrumentos, a empresa ainda precisa estudar como vai ser a experiência do usuário. Segundo Andréa Mello, Diretora de Marketing Corporativo e de Consumer Electronics da Samsung Brasil, a marca já possui reconhecimento por seu engajamento com a acessibilidade, que inclui ainda outras ações como o Hand Talk, que traduz o conteúdo do website em Libras, vídeos tutoriais no Youtube sobre os recursos dos aparelhos e uma página que detalha a acessibilidade de cada aparelho. “Temos lançado várias iniciativas para ajudar cegos e surdos por meio da tecnologia. Isso ainda é muito pouco, há bastante coisa para fazer pela frente. Mas estamos bem satisfeitos de seguir esse caminho”, declarou.

O projeto é parte do Samsung Social, braço filantrópico da empresa, que atua junto a instituições como Instituto Gabriel Medina (que o Razões conheceu ano passado), o Instituto Vanderlei Cordeiro de Lima e a Fundação Gol de Letra. Alfabetização e igualdade de gênero também estão entre as ações sociais da marca. Em setembro será lançada uma websérie de ficção chamada Re-Conectados, que vai propor uma reflexão sobre o vício em tecnologia. Assista o vídeo:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Aqui no Razões já fizemos um projeto muito especial, para a Vult, onde mostramos pessoas com deficiência visual ensinando mulheres não-cegas a se maquiarem sem o espelho, relembrem:

Fotos: divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,558,019SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 12 anos cria sua própria escola para crianças carentes

Leonardo Nicanor, o Nico, tem apenas 12 anos de idade, ainda está no ensino fundamental, mas já administra sua própria escola particular e completamente gratuita...

Cientistas criam vidro que converte energia solar em eletricidade

Uma equipe de cientistas que trabalha no Lawrence Berekley National Laboratry, na Universidade de Berkeley - Califórnia, criou um painel de vidro fotovoltaico, capaz...

Encanador conserta aquecedor de vovó de 91 anos, envia fatura de £0 e gesto viraliza

Em alguns países, onde o frio predomina na maior parte do tempo, é impensável viver em uma casa sem sistema de aquecimento, mas a...

Projeto colaborativo Arte de Rua é iniciativa de integração e promoção da paz

A AkzoNobel, por meio de sua iniciativa global Let's Colour, fechou parceria com a ONG MasterPeace, criadora do projeto Walls Of Connection, que...

Instagram