Prefeitura de São Paulo anuncia parque suspenso do Minhocão

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB-SP) anunciou nesta última quinta-feira, 21, a desativação gradual do Minhocão e a criação do primeiro trecho do Parque Suspenso do Minhocão, substituto do Elevado Presidente Goulart, construído na década de 70.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O Elevado se encontra na área central da metrópole e conecta a Avenida Radial Leste-Oeste (no Centro) à Avenida Francisco Matarazzo (Zona Oeste), passando por diversos bairros, como Consolação, Barra Funda, Santa Cecília e República.

De acordo com a prefeitura municipal, o projeto será dividido em três partes: implantação de obras de acessibilidade, segurança e criação de um parque linear.

Prefeitura de São Paulo anuncia parque suspenso do Minhocão
Obra será dividida em três etapas, com início previsto para fevereiro. Imagem: Divulgação / Prefeitura de SP

A expectativa é que a obra custe algo em torno de R$ 38 milhões, integralmente bancados pela gestão municipal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A meta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e SP Urbanismo é ajustar as questões estruturais, o projeto viário e o transporte público até agosto deste ano. Após, será realizada a instalação dos acessos, com previsão de conclusão até dezembro de 2019.

Leia tambémVoluntária leva aulas de yoga para mulheres da periferia de São Paulo e eleva autoestima

O próximo passo é a instalação do parque e sua infraestrutura interna, que será entregue até dezembro de 2020.

Plano Diretor

Transformar o Elevado Presidente Goulart num parque suspenso é uma ideia que vem sendo gestada há décadas e que foi discutida recentemente na gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (2013-2017), que sancionou uma lei que garantia a criação do parque para as próximas gestões.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Batizado de “Plano Diretor”, aprovado em 2014 pela prefeitura, a lei estabelece diretrizes de como a cidade se desenvolverá a longo prazo – o que inclui a desativação do Minhocão.

Prefeitura de São Paulo anuncia parque suspenso do Minhocão
O Plano Diretor de 2016 previa a desativação do Elevado para as próximas gestões executivas. Imagem: Divulgação / Prefeitura de SP

Em fevereiro de 2018, o projeto de lei que cria o Parque Municipal do Minhocão foi sancionada pelo então prefeito João Doria e publicada no Diário Oficial.

Um ano depois, e as obras começarão finalmente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No entanto, o destino da via ainda gera polêmicas. Alguns defendem a demolição total do elevado, enquanto outros defendem o fechamento para uso recreativo.

Prefeitura de São Paulo anuncia parque suspenso do Minhocão
Skatista utiliza o Elevado Presidente João Goulart, o Minhocão, num dia de domingo. Foto: Nelson Antoine / Reprodução

A Prefeitura de São Paulo diz que o Parque Suspenso do Minhocão será inspirado nos conceitos urbanísticos e arquitetônicos de paisagista Jaimie Lerner, “material modulado, efêmero, propostas de usos institucionais no baixo do viaduto e intervenções que permitem a integração dos espaços.”

Leia tambémEm São Paulo, workshop gratuito ensina a confeccionar luminárias sustentáveis

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: SPS

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,640,029SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Resgate de cachorrinha cega que vivia numa pilha de lixo vai aquecer seu coração

Mal sabia Fiona que sua vida de lixo, abandono e falta de amor estava prestes a acabar. Em mais um dia escondida em uma pilha...

Pedreira cede terreno para plantio de horta comunitária em Juiz de Fora

Os agricultores, por sua vez, disponibilizam os produtos, de graça, a moradores do bairro.

Mãe recebe diploma depois de ajudar o filho tetraplégico a se graduar

A ideia partiu do próprio filho, em reconhecimento ao apoio que recebeu nas aulas.

Sem-tetos plantam um imenso jardim orgânico, com capacidade de alimentar um abrigo inteiro

Cultivar um jardim orgânico é uma atividade tipicamente associada aos hipsters descolados que têm o tempo, dinheiro e treinamento para abraçar da causa. Mas um abrigo em...

Ser solidário alivia o estresse e previne a depressão, especialmente em tempos difíceis

O ato de compartilhar algo com quem precisa ou investir tempo em prol de uma ação positiva libera substâncias químicas que aliviam o estresse...

Instagram