Startup constrói casas populares com plástico encontrado no lixo

Enquanto os lixões não param de acumular plástico, há muitas pessoas que não tem um teto para morar. E o que uma coisa tem a ver com a outra, afinal? Para a EcoDomum, startup mexicana, tudo!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O grande “vilão” do meio ambiente – que demora centenas de anos para se decompor, enche lixões e polui oceanos – também é uma solução muito viável e econômica de moradia popular. A matéria-prima barata garante a acessibilidade da tecnologia, que tranforma plástico em paredes e telhados. Segundo a EcoDomum, uma casa com 40 metros quadrados custa aproximadamente U$ 280 dólares para ser construída.

E mais! Além de acessível, o material é durável e impermeável. A startup produz cerca de 120 painéis todos os dias, evitando que cerca de 5,5 toneladas de plástico sejam desperdiçados no lixo diariamente. Uma casa simples leva uma semana para ser construída e usa apenas 80 painéis — cerca de duas toneladas de plástico —, segundo o fundador da empresa, Carlos Daniel González.

Leia a matéria completa em The Greenest Post.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM





Startup constrói casas populares com plástico encontrado no lixo 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,987,420SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Último cão remanescente dos resgates nas Torres Gêmeas do 11 de Setembro completou hoje 16 anos

O último cão (na verdade, uma cadela) remanescente dos resgates nas Torres Gêmeas no 11 de Setembro, a cadela Bretagne, completou hoje 16 anos...

Creche pública da periferia de SP tem ioga e massagem para as crianças

Localizada na Zona Norte de São Paulo, em uma área cercada por favelas, o Centro de Educação Infantil Lar de Crianças Ananda Marga tem...

Internautas fazem vaquinha para família de menino que viu a mãe morrer atropelada para salvá-lo

O pequeno Tharick Leandro, 4 anos, passou recentemente por um momento trágico em sua curta trajetória de vida. O menino foi atropelado por uma...

Em vídeo fofo, menina faz piquenique para coletores de lixo em sinal de agradecimento

Sempre que o caminhão do lixo passa na rua da Luisa, 5 anos, ela para pra cumprimentar os coletores. Ela sabe o nome de...

Mulher dá café da manhã para pacientes com câncer em hospital de BH

A Renata Medeiros, 45 anos, enfrentava um câncer de mama agressivo quando identificou que muitos pacientes não se alimentavam por não terem condições. Foi...

Instagram

Startup constrói casas populares com plástico encontrado no lixo 4