Startup constrói casas populares com plástico encontrado no lixo

Enquanto os lixões não param de acumular plástico, há muitas pessoas que não tem um teto para morar. E o que uma coisa tem a ver com a outra, afinal? Para a EcoDomum, startup mexicana, tudo!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O grande “vilão” do meio ambiente – que demora centenas de anos para se decompor, enche lixões e polui oceanos – também é uma solução muito viável e econômica de moradia popular. A matéria-prima barata garante a acessibilidade da tecnologia, que tranforma plástico em paredes e telhados. Segundo a EcoDomum, uma casa com 40 metros quadrados custa aproximadamente U$ 280 dólares para ser construída.

E mais! Além de acessível, o material é durável e impermeável. A startup produz cerca de 120 painéis todos os dias, evitando que cerca de 5,5 toneladas de plástico sejam desperdiçados no lixo diariamente. Uma casa simples leva uma semana para ser construída e usa apenas 80 painéis — cerca de duas toneladas de plástico —, segundo o fundador da empresa, Carlos Daniel González.

Leia a matéria completa em The Greenest Post.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,646,211SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

[VÍDEO] Casal completa 67 anos de casamento e ganha serenata emocionante de filho; assista

O casal americano, Lois e Mary Futrell, comemoraram seu 67º aniversário de casamento de uma forma pra lá de emocionante. Seu filho insistiu para...

Terceira Idade Prova que Nunca é Tarde para Realizar Sonhos

Você acha que está velho demais para realizar seus sonhos? Conheça três histórias de aventureiros corajosos que, após os 70 anos de idade, no...

Canal no YouTube traz histórias da comunidade LGBT com tradução em Libras

Escritor, influenciador e designer, Samuel Gomes traz na sua história a luta de seus ancestrais e da comunidade LGBT. Nascido em uma família periférica...

Muçulmano quebra Ramadã para doar sangue e salvar a vida de homem hindu

Por mais distintas e culturalmente antagônicas que possam ser, todas as religiões compartilham de um mesmo espírito e senso comum: o amor ao próximo,...

Jovem que trabalhou com o pai como pedreiro na pandemia é aprovado em Medicina na UFPA

O jovem Adailson Moura, 18 anos, foi aprovado no curso de Medicina da UFPA (Universidade Federal do Pará) e está um passo mais próximo...

Instagram