Startup doará 100% do seu faturamento para projetos sociais e vítimas da tragédia em Mariana (MG)

Já pensou em transformar parte do valor das suas compras online em doações para uma causa social escolhida por você, sem precisar pagar mais por isso?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Essa é a proposta da startup mineira Risü, uma loja de compras online, com sede em Belo Horizonte, premiada como um dos cinco modelos de negócios mais sustentáveis do Brasil em 2015 pela Sustainable Brands Rio.

E, neste mês, a Risü doará 100% do seu faturamento para diversas causas sociais e para as vítimas do rompimento da barragem em Mariana (MG). O faturamento de dezembro de 2015 também foi inteiramente doado.

“A gente acredita que todo mundo quer fazer o BEM e nossa missão é potencializar isso nas pessoas”, diz Lucas Borges, fundador da Risü.

Entenda como funciona:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,434,652SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Empresário boliviano largou tudo para cuidar de cães abandonados

Todos os dias, logo antes do amanhecer, Fernando Kushner percorre as ruas de La Paz com sua van para alimentar os cães de rua...

Menininha de 2 anos vê a mãe pela primeira vez depois de corrente do bem para pagar cirurgia

A pequena Nicolly, de apenas 2 aninhos, nasceu cega, e só recentemente conseguiu enxergar o rosto da sua mãe, Daiana Pereira, após passar por...

Shopping tem Papai Noel capacitado para receber crianças autistas

Enfrentar filas enormes de crianças no shopping para tirar foto com o Papai Noel é uma espécie de tradição familiar na época das festividades...

Já imaginou pavimentar ruas com plástico retirado do oceano? Será possível ainda este ano

O plástico descartado no oceano, que poderia ser reciclado e reaproveitado para diversas finalidades, é um problema mundial. São inúmeras as possibilidades de reaproveitamento....

Corrente do bem ajuda casal de idosos que vende flores no quintal de casa, em Santos (SP)

Hanae Muraoka Igari, de 81 anos, e o marido Sumio Igari, de 86 anos, trabalham com flores há 20 anos. Eles tinham uma floricultura...

Instagram