Pai participa de triatlo com filho que tem paralisia cerebral e diz com orgulho: “Minha inspiração!”

O esporte uniu ainda mais pai e filho!


pai filho paralisia cerebral participam triatlo
PUBLICIDADE ANUNCIE

Essa história começa em 2013. Foi quando o carioca Rodrigo Rocha e seu filho, Gabriel, 16 anos, participaram da primeira corrida de rua deles juntos. O pai viu no esporte uma oportunidade para Gabriel melhorar seu controle motor e também para conhecer pessoas novas.

Rodrigo disse ao Razões para Acreditar que a corrida teve um papel fundamental na inclusão de Biel. Os outros corredores demonstram respeito e admiração pelo garoto: Gabriel nunca foi tratado como alguém “diferente”. “E ele sempre respondeu esse carinho e atenção com um belo sorriso, que se tornou sua marca”, afirma Rodrigo.

Leia também: Jovem com paralisia cerebral levanta quase 100 Kg e quebra o próprio recorde

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

Desde então, os dois já participaram de mais de 10 corridas. Gabriel participa das provas em um triciclo adaptado, empurrado pelo pai da largada até a linha de chegada. Graças ao esporte, o controle motor de Biel melhorou bastante. “É necessário ter um bom controle motor, principalmente nas provas de longa distância, para sustentar a postura e manter os braços bem posicionados.”

Bem posicionado, Gabriel, que também está mais forte, já resistiu provas que duraram 6 horas. “Sentado ali, suando, pegando chuva, vento… Na mesma prova e na mesma posição, sem reclamar. Como se realmente estivesse correndo com os pés no chão.”

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

Rodrigo conta com orgulho que Gabriel encara todos os desafios! Ele tem dias ruins – qualquer pessoa tem –, mas não se dá por vencido. Como nas diversas tentativas para aprender a nadar. “Ele teve depressão nas nossas tentativas de nadar. Hoje, ele assimilou tudo o que eu falei naquele momento”, lembra Rodrigo.

Leia também: Estudante paraplégico de odontologia é exemplo de superação e inspiração entre colegas

Gabriel aprendeu a nadar e há poucos dias participou com Rodrigo de uma prova de triatlo: 750 m de natação, 20 km de bicicleta e mais 5 km de corrida. A dupla fez a prova no tempo de 2 horas. Gabriel cruzou a linha de chegada como na primeira corrida em 2013: de pés no chão e com o sorriso que é a sua marca!

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

“Gabriel é a minha inspiração! Ele me ensinou a viver melhor de diferentes maneiras! Sou mais calmo, não dou valor a coisas materiais como antigamente. Valorizo um sorrido, um abraço. Parece tudo normal, mas não é bem assim. Muito do que ele consegue fazer a gente considera uma vitória!”, diz Rodrigo.

Veja mais fotos e vídeos:

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por @corredorespecial_biel (@corredorespecial_biel) em

PUBLICIDADE ANUNCIE

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Uma publicação compartilhada por @corredorespecial_biel (@corredorespecial_biel) em

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

Leia também: Electrolux e parceiros querem ensinar 30 mil crianças sobre alimentação sustentável em 2019

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

pai filho paralisia cerebral participam triatlo

crédito das fotos: Reprodução/Instagram @corredorespecial_biel

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar