Psicóloga que atende moradores de rua realiza sonho de ter seu próprio apartamento

De forma bastante afetuosa e, acima de tudo, com respeito e dignidade que pessoas na situação de rua merecem ter. “Eu atendo da mesma forma a todos, não importa se está malvestido, bem visto, cheirosa ou malcheiroso”.


Psicóloga que atende moradores de rua realiza sonho de ter seu próprio apartamento 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Quando você é envolvido e comprometido com sua profissão, acaba mergulhando tão fundo no cotidiano do trabalho que esquece de olhar para si mesmo.

Marlene tem 45 anos, é psicóloga social e faz um trabalho de extrema importância e relevância: ela atende moradores de rua.

De forma bastante afetuosa e, acima de tudo, com respeito e dignidade que pessoas na situação de rua merecem ter. “Eu atendo da mesma forma a todos, não importa se está malvestido, bem visto, cheirosa ou malcheiroso”. Realmente uma pessoa exemplar.

Mas, chegou um ponto em sua vida onde ela percebeu que além de amar aos outros, ela precisava amar a si mesma, pois já estava com um pouco mais de idade e viu que era hora de olhar um pouco para ela, e se permitir vislumbrar ter sua própria família e filhos.

Ela recentemente comprou seu apartamento, que se tornou um marco em sua vida, pois a partir da agora ela começa a enxergar o quarto da filha que quer adotar e a possibilidade de uma vida nova, mais sua, mais plena. Assista ao vídeo onde ela conta um pouco mais sobre a realização desse grande sonho:

Esse vídeo faz parte do projeto #meumundomelhor, que, assim como nós aqui do Razões,  acredita que um mundo melhor começa com a casa da gente. Mas quando nos referimos a “casa da gente” não é só sobre a residência: é sobre o bairro, a cidade, o país, o planeta que habitamos.

PUBLICIDADE ANUNCIE

ape4 ape ape2 ape3

ap4

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar