É lei! Lojas de SP são obrigadas a reciclar embalagens que clientes não querem levar para casa


É lei! Lojas de SP são obrigadas a reciclar embalagens que clientes não querem levar para casa 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Por Débora Spitzcovsky

A caixinha da pasta de dente, o plástico que embala as garrafas de água, o isopor que envolve as caixas de ovo… Quando fazemos compras, levamos para casa uma porção deembalagens desnecessárias, que só geram mais lixo. E se pudéssemos descartá-las no próprio caixa do supermercado, com a certeza de que o estabelecimento as encaminharia para reciclagem?

Na cidade de São Paulo, a prática já é obrigatória. Segundo a lei 16.062/14, todas as lojas de varejo da capital paulista devem dispor de urnas, ao lado de pelo menos um de seus caixas, para que os clientes possam depositar embalagens recicláveis que não queiram levar para casa. E mais: os estabelecimentos comerciais têm a obrigação de encaminhar todo esse material para cooperativas de reciclagem.

PUBLICIDADE ANUNCIE

A ideia é diminuir a quantidade de coisas que o cliente precisa levar para casa –incentivando-o a usar alternativas mais sustentáveis de transporte, como ecobags e carrinhos de feira – e, ainda, garantir que as embalagens sejam destinadas à reciclagem, evitando a produção de lixo na capital paulista. Boa ideia, não?

Apesar de ter sido sancionada pela prefeitura em 2014, pouquíssimos estabelecimentos comerciais cumprem a Lei. Que tal exigir a prática nas lojas e supermercados que você frequenta, enquanto as empresas não se tocam e param de vender produtos com tanta embalagem? O meio ambiente agradece!

Texto originalmente publicado em The Greenest Post.

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar