fbpx

Filme ‘O Menino que Descobriu o Vento’, da Netflix, nos lembra da importância de não desistir

Contamos a história de William Kamkwamba 7 anos atrás e sabíamos que tinha tudo pra virar um filme.


menino descobriu vento
PUBLICIDADE ANUNCIE

William Kamkwamba tinha 14 anos quando construiu a primeira turbina eólica para bombear água pro cultivo  de alimentos no seu vilarejo, no Malawi, um dos países mais pobres da África. Contamos sua história 7 anos atrás e sabíamos que tinha tudo pra virar um filme (relembre aqui).

O Menino que Descobriu o Vento, filme original da Netflix, narra a saga de Kamkwamba para acabar com a fome na sua vila, provocada pela seca. A produção chegou ao catálogo no início de março e já está entre as mais assistidas da plataforma.

Kamkwamba ficou conhecido ao participar da conferência TEDGlobal 2007, na Tanzânia. Com a visibilidade alcançada, ele conseguiu apoio para terminar o ensino médio em Linlongue, capital do Malawi. Depois, recebeu uma bolsa para estudar no Dartmouth College, nos Estados Unidos, onde se formou em Estudos Ambientais.

menino descobriu vento
Foto: Reprodução
menino descobriu vento
Foto: Reprodução
menino descobriu vento
Foto: Reprodução

Dirigido por Chiwetel Ejiofor, O Menino que Descobriu o Vento é baseado numa autobiografia de Kamkwamba, The boy who harnessed the wind, publicada em 2009. Ejiofor também é ator e, na trama, representa o pai do protagonista, o menino William, interpretado pelo queniano Maxwell Simba.

“Há tempos queria dirigir, era uma experiência pela qual sentia que teria de passar. O problema era encontrar a história certa. O livro de William Kamkwamba foi uma descoberta para mim. Como afrodescendente, sou muito sensível à herança cultural africana e aos problemas sociais e políticos que a África enfrenta”, contou Ejiofor na coletiva de seu filme.

menino descobriu vento menino descobriu vento

menino descobriu vento

menino descobriu vento

Sem dar spoiler, O Menino que Descobriu o Vento nos lembra da importância de não desistir, quando grandes problemas parecem não ter solução. Assista ao trailer:

Leia também:

Para a principal causa de demência infantil, o diagnóstico precoce é tão importante quanto o tratamento

Projeto incentiva a recolocação no mercado de trabalho para pessoas com mais de 50 anos

Artista transforma crianças da Cidade de Deus em super-heróis (que realmente são!)

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

 

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar