Japão recicla 80 mil toneladas de lixo eletrônico para confeccionar medalhas para as Olimpíadas


Medalhas das Olimpíadas de Tóquio serão feitas de lixo eletrônico
PUBLICIDADE ANUNCIE

Em 2016, ao término dos Jogos Olímpicos do Rio e início dos preparativos para as Olimpíadas e Paraolimpíadas de Tóquio, o comitê responsável pela organização do evento anunciou um plano de produzir as requisitadas medalhas olímpicas de ouro, prata e bronze a partir dos metais reciclados encontrados nos restos de aparelhos eletrônicos descartados, como eletrodomésticos e notebooks.

O objetivo por trás da iniciativa era promover consciência à respeito do lixo eletrônico, um assunto-chave dos debates no Japão acerca da reciclagem e sustentabilidade.

De cada 6 quilos de lixo eletrônico descartados no mundo, 1 vem de terras nipônicas (16% do descarte global).

Medalhas das Olimpíadas de Tóquio serão feitas de lixo eletrônico

Três anos depois do anúncio, pelo visto, o projeto decolou. Na última sexta-feira, 8, o comitê anunciou que a meta estipulada de desenvolvimento e concepção das medalhas a partir dos dejetos está em estágio avançado e que a grande onda de apoio do povo e empresas japonesas, aliados aos atletas do país e de outras nações aceleraram o processo.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Leia tambémGovernadora de Tóquio reduz salário pela metade para salvar dinheiro dos contribuintes

Segundo os organizadores, quase 80 mil toneladas de lixo eletrônico foram coletadas pelos serviços de sanitarismo municipais desde 2016. Grande parte dos dejetos foram doados por empresas de telefonia e de suporte à smartphones, além dos cidadãos, a partir dos centenas de postos de coleta fixados nas repartições públicas.

Toda a demanda por matéria-prima para a fabricação das medalhas de bronze já foi atendida – 2,7 toneladas do metal foram coletadas e serão confeccionadas como medalhas até o fim de junho. As honrarias de ouro e prata estão quase lá – 93,7% e 85,4% já foram coletados, e a expectativa é que a meta seja batida até meados de março.

Segundo o comitê olímpico, o Programa de Recolhimento de Lixo Eletrônico será encerrado no dia 31 de março, enquanto a revelação visual das medalhas das Olimpíadas e Paraolimpíadas de Tóquio de rolar apenas no meio do ano.

Leia tambémEssa vovó japonesa de 89 anos adora se fotografar em situações hilárias

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: B9
Foto de capa: Reprodução / B9

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar