População ajuda mais de 50 tartarugas marinhas que não conseguiam ir para o mar (CE)

Toda vez que nasce uma ninhada de tartarugas marinhas é um espetáculo assistir à travessia delas do ninho até adentrar ao mar sem fim. Mas apesar de um momento tão bonito proporcionado pela natureza, o perigo é grande para as bichinhas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

São muitos carros passando pelas praias, o que coloca em risco a vida das filhotes. No Estado do Ceará, um levantamento do Instituto Verdeluz identificou que dezenas de tartaruguinhas morrem anualmente nessa travessia. É literalmente uma travessia pela vida que elas enfrentam.

Mas na Praia do Cumbuco, no Ceará mesmo, cerca de 70 delas tiveram a sorte de encontrar uma população disposta a ajudar nesse processo, inclusive ajudando as mais de 50 bebês tartarugas que estavam perdidas e que tinham saído do ninho numa direção contrária ao mar. Isso acontece porque elas utilizam a luz da lua para se guiar e as luzes dos postes a atrapalham nessa caminhada para o primeiro mergulho.

Tartaruga marinha filhote indo em direção ao mar pela primeira vez
Foto: Deborah Lilienfeld

“É raro passarmos por um momento assim em nossas vidas: poder testemunhar a maravilhosa marcha das tartarugas marinhas até o mar. A emoção e a esperança eram palpáveis ​​no ar. Esses residentes haviam estado no sol o dia todo em uma busca frenética para encontrar tartarugas marinhas desorientadas”, relatou a economista Deborah Lilienfeld.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Voluntários cavando areia para desenterrar ovos de tartarugas marinhas
Voluntários fizeram caçada a tartarugas perdidas. Foto: Deborah Lilienfeld

Nos Estados Unidos, voluntários resgataram mais de 800 filhotes de tartarugas marinhas presos em bueiros

Elas nasceram nos últimos dias e as pessoas interromperam a passagem dos carros, criaram um caminho na areia e redirecionaram as tartarugas para elas passarem com tranquilidade pelo local até chegar à água com segurança. O pessoal também espalhou o alerta pelas redes sociais. Infelizmente algumas foram esmagadas pelos veículos que não obedeceram à sinalização, mas muitos motoristas conscientes fizeram seu papel.

Tartarugas marinhas filhote indo em direção ao mar pela primeira vez
Tartarugas estavam perdidas. Foto: Deborah Lilienfeld

“Eu vi esta pequenina e me senti tão mal que estava perdida. Eu tive que pegá-la e ajudá-la a chegar ao mar. Então, logo em seguida, enviei o vídeo no meu grupo de WhatsApp de quadriciclo e vi a mensagem nos alertando para ter cuidado. Fiquei feliz por ter conseguido salvar essa aqui”, contou um condutor de quadriciclo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Tartaruga marinha filhote indo em direção ao mar pela primeira vez
Foto: Deborah Lilienfeld

“E apesar das ameaças da pandemia, a gente ainda sai em busca dos ninhos, se senta na areia para contar os ovos, e ainda faz brincadeira com as crianças. Que maneira divertida de fazer a conservação conquistar o coração das pessoas”, disse Deborah. E as crianças adoraram mesmo ajudar e se divertiram bastante.

A Tartaruga Verde é da espécie Chelonia mydas, ameaçada globalmente de extinção, de acordo com a lista vermelha de espécie da IUCN. O projeto Interpesca, em parceria com a Universidade Federal do Ceará, realiza o monitoramento das tartarugas marinhas de toda a região do Mucuripe ao Pecém.

O projeto também é apoiado pela Winds for Future, que tem vários trabalhos legais no Cumbuco. Vida longa às tartaruguinhas e muita gente boa no caminho delas.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,569,612SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Após superar preconceitos em aldeia, indígena transexual se torna professora infantil

Indígena superou preconceitos em aldeia, conseguiu se formar após uma tumultuada adolescência e hoje é professora de alunos entre 6 a 14 anos.

Jovem que perdeu emprego e passou a morar na rua consegue um novo lar após vaquinha da VOAA

A gente sempre se emociona com finais como o do Bruno. Ele perdeu o emprego durante a pandemia e, sem condições de pagar o...

Hospital Estadual da Criança realiza desejos de pacientes no Rio de Janeiro

Dezenas de crianças internadas no HEC - Hospital Estadual da Criança, no bairro Vila Valqueire, zona oeste do Rio, enfrentam longos períodos de internação...

Depois de fotos incríveis grávida, Lilica agora exibe orgulhosa seus fofos filhotinhos em novo ensaio

Semana passada publicamos o ensaio maravilhoso da cadela Lilica grávida, e a internet entrou em parafusos com tamanha fofura e desenvoltura. E como a vida...

Pesquisadores criam adesivos naturais a partir de taninos extraídos de cascas de árvore

A produção de adesivos naturais feitos a partir de taninos extraídos das cascas de árvore da Amazônia foi iniciada graças a união de duas...

Instagram