Com TCC escrito à mão, mulher de 87 anos se forma em Jundiaí

Luísa Valencic Ficara, de 87 anos, mostrou que nunca é tarde para realizar seus sonhos (e nem seu TCC).  Nascida na Itália, Luísa imigrou para a América do Sul durante a Segunda Guerra Mundial. Ela mora há 40 anos em Jundiaí, no interior de São Paulo, mas anteriormente morou em três países sul-americanos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Após o falecimento do marido e de sua irmã, ela decidiu voltar a estudar para manter a cabeça ocupada.

“Não adianta ficar em casa que começam as dores. Dores crônicas, dores de saudade. Ter a casa vazia traz tudo isso.”, disse, em entrevista ao G1.

Com isso em mente, ela se matriculou no curso de nutrição do  Centro Universitário Padre Anchieta.

Ela relatou que quando entrou na sala, no primeiro dia de aula, a turma ficou um pouco surpresa com sua presença. Mas com o tempo, ela disse que foi vencendo sua própria timidez e fez amizades.

A graduação foi concluída após seis anos de estudos, já que Dona Luísa, como é conhecida, precisou refazer algumas matérias.

LEIA TAMBÉM: Por que cuidar da saúde deve estar no topo da sua lista de resoluções para 2019?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Seu TCC foi escrito todo à mão e o tema foi sobre a cana-de-açúcar no Brasil.

Para ajudar a simpática senhora, seus professores, funcionários e colegas da universidade a ajudaram com a parte da digitação, configuração e impressão do trabalho.

[ATUALIZAÇÃO]

Segundo o site Tribuna de Jundiaí, Dona Luísa iniciou pós-graduação em geriatria e gerontologia na Faculdade de Medicina de Jundiaí. O veículo acompanhou um dia com ela na pós-graduação, leia aqui.

TCC

Parabéns, Dona Luísa!

Via

Fotos: Artfinal Eventos/Divulgação

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

984,871FãsCurtir
1,730,801SeguidoresSeguir
8,538SeguidoresSeguir
11,100InscritosInscrever

+ Lidas

Bióloga que salvou Arara Azul da extinção vira personagem da Turma da Mônica

Na última terça-feira (11), foi celebrado o Dia Internacional das Meninas e Mulheres na Ciência. Para comemorar a data, a Mauricio de Sousa Produções...

Ortobom doa 500 colchões para vítimas de chuva em Raposos (MG)

A Região Metropolitana de Belo Horizonte foi a mais afetada pelas fortes chuvas que caíram em Minas Gerais nas últimas semanas. Um exemplo é...

Juiz vai até a casa de idosa para lhe conceder aposentadoria

Um  caso incomum aconteceu há alguns meses, onde um juiz foi até a casa de uma senhora de 100 anos para conceder aposentadoria a ela. O...

Mulher que sofre de ansiedade agradece a compreensão do seu namorado: “Há pessoas melhores que remédio”

Porque respeito e compreensão são fundamentais em qualquer relacionamento.

Mãe diz para filha chamar melhor amiga para noite do pijama e ela trouxe: uma senhora de 68 anos

Quando somos crianças, sempre temos um amigo ou uma melhor amiga que nos identificamos mais, não? E, mesmo que essa amizade não dure pra...

Instagram