Novo plugin torna a experiência de deficientes visuais na internet mais “real”

Se eles não enxergam, como é possível ler o que está escrito? É graças ao auxílio de leitores de tela, que pronunciam o que está escrito nos aplicativos e páginas da web.


PUBLICIDADE ANUNCIE

Por acaso, você já se perguntou como os cegos navegam na internet? Deveria, pois, só no Brasil, mais de 6,5 milhões de pessoas são cegas ou têm baixa visão, segundo o IBGE.

Se eles não enxergam, como é possível ler o que está escrito? É graças ao auxílio de leitores de tela, que pronunciam o que está escrito nos aplicativos e páginas da web.

No IOs, o recurso se chama VoiceOver, enquanto no Android ele é conhecido pelo nome de TalkBalk. Nos computadores com Windows, um dos mais utilizados é o NVDA, que é gratuito e de código aberto.

Leia também: Aplicativo ajuda cegos a perceberem sorrisos

PUBLICIDADE ANUNCIE

Os leitores funcionam bem, mas a interação é, digamos, um pouco fria. Por exemplo, eles leem 🙂 como “emoticon sorrindo”, o que não proporciona a mesma sensação de quando vemos a carinha feliz. Mas, essa frieza tem os dias contados.

Em parceria com o Instituto Benjamin Constant, a Live TIM criou o plugin emoti Sounds para NVDA, que permite os cegos “ouvirem” os emojis.

Assista ao vídeo para entender melhor:

Em termos práticos, eles identificam os emojis mais utilizados na internet e gravam sons para cada um deles, substituindo as narrações “frias” dos leitores de telas por emoções “reais”.

via [tecnoblog]

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar