Estudantes baianos desenvolvem tênis que gera energia limpa: ‘Carrega até celular’

Estudantes do Colégio Estadual Francisco da Conceição Menezes, em Santo Antônio de Jesus (BA), desenvolveram o protótipo de um tênis capaz de gerar energia elétrica limpa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os secundaristas batizaram o calçado de EletroTênis, que é fruto de um trabalho da feira de ciências do colégio e que abarca temas como saúde, tecnologia e meio ambiente.

Segundo Oziel Silva, professor de física e coordenador do trabalho, o tênis se mostrou bastante eficiente nos testes realizados em laboratório.

tênis que gera energia limpa carrega celular

EletroTênis

O professor explica que a energia produzida no circuito contido dentro do calçado é 100% limpa e capaz de acender dispositivos LED, além de carregar um celular via entrada USB ou ligar um disco rígido portátil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As pastilhas piezoeléctricas acopladas no tênis geram energia quando são apertadas ou pressionadas (o que acontece justamente quando pisamos no chão).

Leia também: Caldeira inovadora vaporiza lixo e o transforma em energia limpa – sem poluir o meio ambiente

De acordo com Oziel, o produto é seguro. “Isolamos o circuito em fita isolante, justamente para evitar defeitos que pudessem dar curto no sistema”, explicou.

tênis que gera energia limpa carrega celular

Para o orientador, o projeto funciona perfeitamente, mas deve passar por modificações, para ser aprimorado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Neste mês, o grupo de inventores por trás do tênis, composto pelos alunos Cauan Sampaio, Gustavo Pereira, Luis Fernando, Matheus Cabral e Zidane Victor, foi selecionado para participar da feira de ciências de Porto Alegre.

Os estudantes baianos esperam futuramente que o EletroTênis possibilite uma diminuição no uso de tomadas, resultando na eficiência energética. A invenção contou também com a ajuda do professor Davi Barreto, além de outros alunos, como Gabriela Cardoso, Eduardo de Jesus, Debora Escolástico e Vagner Santos.

Educação, esporte e arte são fundamentais para a inclusão social de grupos vulneráveis, concorda? Conheça então três projetos que defendem essas causas, escolha a sua favorita, apoie e concorra a um super prêmio de R$ 1 milhão da promoção “Ganhou, Causou”, da Nestlé. Clique aqui e saiba como participar!

Fonte: G1/Fotos: Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,855,215SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Catadora vai à formatura carregando as latinhas que pagaram sua faculdade na Paraíba

“Eu tinha que ser alguém na vida, não ser só sucateira, mas ter um curso superior pra dar exemplo para as minhas filhas."

Botão da “florzinha” está de volta ao Facebook e a internet não está sabendo lidar

Eis que a melhor notícia do mês: o botão da "florzinha", relacionado à reação de gratidão no Facebook está de volta! A florzinha lilás mais...

Cães nadam em lago à procura de dono que morreu afogado há 10 dias

Dois cães labradores procuram há dez dias pelo seu dono que morreu afogado numa lagoa de Araçatuba (SP). O casal de cães volta ao...

[VÍDEO] Garotinho com síndrome de Down conhece sua irmã recém-nascida e não consegue parar de sorrir

Um vídeo está circulando essa semana pelas redes mostrando a reação super fofa de um garotinho de 1 ano, portador de Síndrome de Down,...

Cabeleireira que já foi moradora de rua oferece serviços grátis para mulheres desabrigadas

Vanessa Howard sabe o que é não ter nada, pois ela já foi moradora de rua. E é por isso que ela está ajudando essas meninas...

Instagram