Startup brasileira desenvolve aparelho que diagnostica coronavírus em 15 minutos

No momento em que o mundo inteiro está preocupado com o avanço do novo coronavírus, o Covid-19, os brasileiros seguem ajudando a desenvolver ferramentas para combater a pandemia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma startup de Curitiba (PR) desenvolveu um teste para o coronavírus que pode dar o resultado em 15 minutos. O Hilab é utilizado desde 2017 para testes rápidos de outras doenças e agora também será usado para o diagnóstico do coronavírus.

“O resultado sai em 15 minutos e pode ser feito em qualquer lugar que tenha internet, ou seja, possui benefícios de escala a agilidade muito importantes para ajudar na detecção do vírus, já que o diagnóstico rápido é essencial para que a pessoa e os familiares sejam informados sobre a doença e possam entrar em isolamento o mais rapidamente possível, evitando a disseminação do vírus para outras pessoas”, disse Marcus Figueredo, CEO da Hi.

Como funciona o teste rápido do coronavírus?

Um profissional de saúde treinado faz um pequeno furo na ponta do dedo do paciente para coletar algumas gotas de sangue. Após a coleta, a amostra é colocada em contato com reagentes dentro de uma pequena cápsula, que é depositada dentro do aparelho.

Paciente tendo o dedo furado para teste do coronavírus com aparelho que dá resultado em 15 minutos
Foto: Divulgação/Hilab

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O dispositivo, então, cria uma “versão digital” da amostra que é transmitida instantaneamente via internet para a equipe de biomédicos em um laboratório físico, onde especialistas vão emitir um laudo em questão de minutos. O paciente recebe o resultado no smartphone via SMS ou e-mail.

Aparelho que fornece resultado para teste do coronavírus em 15 minutos
Foto: Divulgação/Hilab

Para a análise rápida, os especialistas contam com uma Inteligência Artificial que cruza os dados do material do paciente com dados de outros materiais que reagiram de forma positiva.

Como ter acesso ao teste?

A empresa criadora do teste está trabalhando para disponibilizá-lo em larga escala até a primeira quinzena de abril. Inicialmente, os aparelhos com o teste serão ofertados a empresas de São Paulo para usar com seus trabalhadores.

As empresas interessadas devem se cadastrar no site.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O teste também será disponibilizado em algumas redes de farmácia que já vendem o aparelho. Inicialmente, o custo de cada teste é de R$ 130,00, mas a startup garantiu que está trabalhando para baratear para R$ 75,00 e aumentar o acesso ao diagnóstico.

Paciente tendo o dedo furado para teste do coronavírus com aparelho que dá resultado em 15 minutos
Foto: Divulgação/Hilab

Outras medidas brasileiras têm ajudado no enfrentamento ao coronavírus

O Brasil corre contra o tempo para controlar a pandemia. Duas pesquisadoras da USP fizeram o sequenciamento do genoma do primeiro caso da doença registrado no país em apenas 48h.

Também na USP, pesquisadores trabalham no desenvolvimento de uma vacina para o Covid-19.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já na Universidade Federal da Bahia, cientistas reduziram o diagnóstico do coronavírus de 48h para 3h. Ainda na Bahia, estudantes do curso de Farmácia da Unef estão produzindo álcool gel para distribuir gratuitamente.

O que eu posso fazer?

Além de se proteger, listamos 14 atitudes gentis (e simples!) para você ajudar pessoas de grupos de risco do coronavírus, clique aqui.

Também reunimos diversos serviços gratuitos para você aproveitar durante a pandemia, clique aqui.

Durante o Mês da Mulher, nós aqui do Razões junto com O Boticário contaremos histórias de mulheres que ajudam mulheres. Vamos falar sobre essa linda rede de apoio, para mostrar que #SomosFeitasDeTodas. Acesse as histórias aqui.

conteúdo original

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,677SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto ‘Adote Um Aluno’ dá aulas gratuitas em 6 praças do RJ

Projeto que leva aulas gratuitas de diversas disciplinas a praças públicas, há pouco mais de um ano, já conta com 60 professores voluntários e quase 400 alunos cadastrados.

Seios de tricô ajudam a resgatar a autoestima de mulheres após câncer de mama

O artesanato sempre foi uma ferramenta de empoderamento, mesmo quando essa palavra nem existia e, neste caso, ganhou um propósito ainda maior. Uma ONG...

“Eu tenho 90 anos. Vou cair na estrada”, diz velhinha diagnosticada com câncer

Imagine perder o marido para um câncer e, como se não bastasse, ser diagnosticada com a mesma doença. É o caso da americana Norma, que...

Professor oferece aulas de inglês gratuitas para comunidade carente

Ajuda quem mais precisa é motivo de muita felicidade!

Brasiliense que vive em Portugal ganha chá de bebê no Brasil

O melhor chá de bebê para uma mamãe que morre de saudades das amigas!

Instagram

Startup brasileira desenvolve aparelho que diagnostica coronavírus em 15 minutos 2